Uncategorized

Mulher morre atropelada ao cair da kombi

portakombi2

da Banda B

Uma mulher de 44 anos morreu, no começo da noite deste sábado (21), após cair de uma Kombi e ser atropelada por um caminhão na descida da serra de São Luiz do Purunã, em Balsa Nova, na região metropolitana de Curitiba. O acidente aconteceu no quilômetro 127 da BR-277, na pista sentido capital. O motorista foi preso em flagrante por embriaguez ao volante. Ele passou pelo exame do bafômetro, que apontou 0,40 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões, patamar que configura crime de trânsito.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a porta da Kombi abriu em uma curva e a passageira caiu sobre a pista. Na sequência, ela acabou atropelada por um caminhão e morreu no local.

O marido da vítima dirigia o carro. Com 45 anos, ele disse que os passageiros também haviam ingerido bebida alcoólica e que a mulher teria se apoiado na maçaneta da porta, que se abriu durante a curva. A velocidade máxima no local é 60 km/h. Dentro da Kombi ainda estavam dois filhos do casal, uma mulher e um adolescente que não se feriram.

A família seguia de São Luiz do Purunã para Campo Largo quando a porta abriu. A Kombi está equipada com cinto de segurança apenas no banco dianteiro e a mulher estava sentada na parte de trás.

No Instituto Médico Legal (IML), a vítima foi identificada como Shirley Ramos. O motorista foi levado à Delegacia de Campo Largo, onde permanece à disposição da Justiça.

2 Comentários

  1. Ola beber e dirigir nao e certo.. porem a culpa nao é do motorista.. kombi tem defeito de fabricao e abre mesmo.. o adv deveria processar a empresa fabricante de carro e soltar o homem afinal a mulher nao morreu porque ele bebeu cerveja mas por causa da porta que abriu e é culpa da montadora.. obirgada Rosi

  2. Nossa !!! Quantas pessoas poderiam ser poupadas se eliminássemos de vez o habito ou costumes de bebermos e sairmos dirigindo.
    Na Inglaterra o sujeito que for pego embriagado dirigindo sofre muito, alem das severas penas, é preso, perde seu emprego.
    Acho que devemos repensar e tratar o sistema devidamente e rigorosamente. Ninguem aguenta mais ouvir e ver estas noticias e continuar acontecendo o mesmo. precisamos de um basta.

Comente