Uncategorized

Temer diz que é vítima de ‘abusos e agressões’

Temer usou do direito de não responder ao interrogatório encaminhado pela Polícia Federal do inquérito aberto no STF, em decorrência da delação de Joesley Batista. O presidente é acusado de corrupção passiva, obstrução de Justiça e pertencimento a organização criminosa.
Michel Temer não respondeu, mas também não ficou calado. Seus advogados encaminharam documento de 14 páginas ao ministro Edson Fachin para reclamar que o cliente está sendo vítima de “abusos e agressões”.

As questões referentes à gravação não poderão ser respondidas, pois, uma vez contestada a sua ilegitimidade sob o duplo aspecto, material e formal, a não conclusão da perícia determinada por Vossa Excelência e aceita pelo Ministério Público tornou-se condição sem a qual a gravação por hora é um nada jurídico (Perguntas do Bloco 2)

Não serão alvo de nenhuma consideração as indagações relativas aos depoimentos de empresários confessadamente delinquentes e que foram premiados, prestados no bojo de um acordo que foi celebrado com o Ministério Público, por estarem contaminadas pelo veneno da gravação clandestina e adulterada. Note-se que a delação foi posterior à farsa eletrônica (Por exemplo, questões 16, 17, 18 e 23)

Ilustre ministro, é incrível, mas deseja-se atribuir ao presidente da República poderes adivinhatórios, ao se perguntar se ocorreu determinado encontro entre duas pessoas, sem a sua presença, e o que é pior, qual teria sido a pauta de tal reunião (Por exemplo, questões 26 e 32)

No entanto, verdadeiramente espantosa é a indagação se o presidente sabe qual o intuito que moveu alguém a manter relação com outrem (Por exemplo, questão 38).

Já se estranhou a curiosidade revelada pelos inquisidores a respeito da ciência que o presidente pudesse ter do teor de conversas entre terceiros. Mas mais assombrosa é a pergunta que deveria fazer a si mesmo sobre algum fato que o envolvesse e que pudesse ser revelado por outros em acordo de delação. Pergunta aparentemente ardilosa, que pressupõe uma futura e, portanto, incerta delação, embutindo velada e inadmissível ameaça (Questão 19)

Em grande parte das indagações formuladas há referência a fatos que teriam ocorrido em data anterior à investidura do cargo (Por exemplo, questões 4, 5 e 6) e outros episódios que nenhuma relação têm com essa condição (Por exemplo, questões 21, 22, 43, 44, 45, 46, 47, 48, 49, 50, 51, 52, 53, 54, 55, 57, 58 e 59)

Há também questões que dizem respeito a “apreciações pessoais” do requerente que, seguramente, não seriam autorizadas por Vossa Excelência, em aplicação analógica ao artigo 213 do Código de Processo Penal (Por exemplo, questões 3 e 14).

5 Comentários

  1. Do Interior... Responder

    Se compararmos com Lulla é mesmo. Os dois são iguais. São dois partidos mas poderia ser um só. PTMDB.

  2. Daniel Fernandes Responder

    hahahaahahahaahahahahaahaha
    Hoje é a tarde das piadas?
    Primeiro aquele post sobre o Requião, depois a Gleisi falando que eleição só será democrática se Lula concorrer (e vencer, é claro – se ele não vencer, não é democrática a eleição também). Agora o coitadinho vem dizer que é vítima de abusos!
    Conta tudo para a sua mãe, Michelzico! (Michelzico para rimar com
    Kiko, aquele do Chaves).
    Dou risada para não chorar.
    Pois quem paga a conta e aguenta este bando de palhaços somos nós.

  3. O Temer tem sorte porque as Forças Armadas não estão querendo nada com nada. Estão acomodados vendo o circo político pegar fogo.
    Por favor senhores do alto escalão militar, haveria motivo para pensarmos em alguma outra coisa, porque os limites foram extrapolados em muito. O Brasil tem sido motivo de chacota mundial e falta pouco para ninguém mais levar à sério este país.

  4. Campana, e aquela história ESCABROSA que Reinaldo Azevedo informa, de que Fachin esteve num jantar NA CASA DO JOESLEY, quando já era relator da Lava Jato, de onde saiu às 6 da manhã e com a presença de Renan!!!

    Se isso for verdade, Fachin estava EM CONLUIO com o bandido da JBS, onde tramaram aquelas GRAVAÇÕES para pegar Temer e Aécio!!

Comente