Uncategorized

Homem é encontrado morto e Greca diz que ele recusou abrigo

Da Banda B:
Um homem de cerca de 35 anos, não identificado, foi encontrado morto na madrugada desta quarta-feira (19), na Praça Tiradentes, no centro de Curitiba. Por volta das 2 horas, a Polícia Militar recebeu, através do telefone 190, a informação de que um corpo estava caído na praça. O homem não apresentava sinais de violência, o que indica que pode ter sido vítima do frio que atinge a cidade desde a madrugada desta terça. A perícia da Polícia Civil foi acionada e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Não há confirmação da causa da morte. A temperatura em Curitiba chegou a – 1,3, com sensação térmica que chegou a até 3 graus negativos.
Em sua página no Facebook, o prefeito Rafael Greca disse que o homem “recusou atendimento da FAS por estar fortemente drogado e alcoolizado”. segundo o post de Greca, ele sofreu um quadro de convulsões.
Na postagem, o prefeito lamenta a morte do morador de rua. “Não queremos perder ninguém por abandono, mas as forças do mal insistem no “direito” de permanecer na rua. Ontem, Margarita e eu estivemos na praça, por volta das 21:00 horas. Vimos o bom trabalho da equipe da FAS – liderada por Maria Alice Erthal – e o solícito serviço dos voluntários no Expresso Solidariedade. Às 3 da manhã fomos informados do óbito após recusa de atendimento”.

19 Comentários

  1. Daniel Fernandes Responder

    Lançar o epíteto de ‘forças do mal’ sobre estas pessoas é forçar um pouco a mão, não é?
    Mas concordo com o Greca.
    Penso que nestes caso, se a pessoa não está sã, deveria ser recolhida à força.
    Claro que muita gente reclamará contra tal abordagem, dizendo de forma estúpida que estas pessoas têm o ‘direito’ de ficar na rua se assim quiserem. Se fosse uma noite quente, e a pessoa estivesse sã de consciência, sim, poderíamos dizer que ela tivesse este direito.

  2. Prefeito esta de parabéns nessa gestão. ontem de 140 pessoas somente umas 50 aceitaram deu na band news, o povo nao quer fazer oque…

  3. Marco Nascimento Responder

    Eles recusam mesmo, ontem vi uns tantos perambulando pela City sem rumo, como se andar fosse resolver o frio

  4. Günter Schimidt Responder

    E onde andava os digníssimos senhores e senhoras do MP àquela hora da noite enquanto trabalhavam pela solidariedade aos menos favorecidos e esquecidos as equipes do FAS e do Expresso Solidariedade?

    O MP não é tido como o fiscal da Lei?

    Ora, se é assim, então se algum membro do MP estivesse participando do trabalho junto das equipes, e diante do iminente risco de vida do jovem drogado naquele frio e na rua, teriam autorizado expressamente sua retirada da rua mesmo contra sua vontade, até porque naquele momento quem se recusava, quem falava pela boca daquele jovem rapaz não era a razão mas o álcool e as drogas.

  5. Ignorancia desse povo que prefere ficar na rua , nao tem muito oque falar, Greca esta certo !!!

  6. foi uma fatalidade mas o Greca tem razão, não é possivel opbrigar as pessoas a aceitarem o abrigo, isso precisa mudar o teremos mais casos como esse!

  7. Jorge Nascimento Responder

    muito triste, porem o trabalho q a FAS realiza nao evita esse tipo de coisa, são servidores q estao diariamente nas ruas abordando essas pessoas

  8. Mariane Borges Responder

    isso ai Greca, que triste essa situação! é preciso intesificar o trabalho prefeito! aumente o numero de vagas nos abrigos!

  9. Gregamente vai dizer mesmo que foi falha da Prefeitura, e quem duvidar do Gregamente e só perguntar a vítima. Kkkkkkk esse Prefeito não vale feijão que come.

  10. Alexandre Barbosa Responder

    A vá, tem cara que quer aparecer , ate parece que foi recusado ajuda, deveria estar super drogado, e bebaço. Ai a culpa e do Greca?? fala serio….

  11. Olhe e impossível salvar todos, o que importa e o bom trabalho que Greca esta oferencedo,antes disso nem existia isso , muito menos o ônibus inventado.

  12. Mellisa Almeida Responder

    Que triste a fatalidade, porem o serviço prestado foi ótimo, foi perto de casa. Fiquei bem feliz.. Vamos GRECAA….

  13. Mellisa Almeida Responder

    Foi excelente o trabalho, acompanhei de perto pois moro na região, o prob e que chegam aproveitadores, e pessoas bem drogadas.Porem sempre recebem a orientação.

  14. Paulão dedão sem unha Responder

    Podia levar alguns deles para sua residência prefeito….para degustarem uma lauta refeição e apreciarem suas eruditas explanações….

  15. Tem um morador de rua perambulando pelo meu bairro, falei com ele para ir a um abrigo….. ele disse…. “não vou, porque lá não posso fumar minhas pedrinhas”…. dei algumas roupas para se proteger do frio e ele trocou por pedras……o que fazer?

  16. Kkkkk como tem cargo comissionados defendendo Gregamente vai ser uma gestão só igual Fruet, aliás a rejeição já bateu a Dilma. Kkkkkkkkkk

  17. Daniel Fernandes Responder

    Marco, defendi o Greca, mas sou contra a administração dele, que está sendo péssima.
    E nem tenho cargo comissionado (na verdade cargo nenhum) na prefeitura.
    Mas quando uma pessoa está certa, é justo que falemos que ela está certa.
    Não concordo com quase nada que o Greca anda fazendo.
    Verdade é verdade, não importa de que lado do espectro político venha. O mesmo vale para a mentira.
    Chega de acharmos que mentira é verdade quando são nossos apaniguados que a dizem.
    E vice-versa.

Comente