Uncategorized

O que será do Brasil após 2018?

Por Aroldo Murá Haygert

A crise política e econômica agravada nos últimos quatro anos torna cada dia mais ingrata a tarefa de antever o que será do Brasil num futuro próximo. Mas as perspectivas e impasses econômicos não deverão mudar tão cedo. É o que garante o economista e professor José Pio Martins, reitor da Universidade Positivo (UP), que ministra palestra sobre a temática no sábado (19/8), a partir das 10h, no auditório do Campus Mercês da UP. A entrada é gratuita.

Farão parte da mesa mediadora da palestra – realizada pelo Instituto Ciência e Fé de Curitiba (ICF) – o economista Judas Tadeu Grassi Mendes, fundador da EBS Business School, e Euclides Scalco, diretor do ICF, ex-deputado federal constituinte e ministro-chefe da secretaria geral da presidência da República no governo Fernando Henrique Cardoso.

1 Comentário

  1. Não precisa ser nenhum PhD ou futurólogo para descobrir como
    vai ser o futuro do Brasil nos próximos anos. O Brasil passará de
    um país em profunda crise economica e moral para outra igual se
    os eleitores não mudarem de conduta. É como se estacionasse um
    caminhão com toneladas de cocaína no meio da cracolandia e no
    dia seguinte chorar de raiva porque tudo foi consumido… o consumo
    das “drogas” no Brasil são a eleição de políticos.

Comente