Uncategorized

Contra e a favor de Moro

Cláudio Lamachia, presidente da OAB, lida com um tudo entre os associados da instituição.
Numa determinada manhã, ele recebeu um grupo de advogados que atuam na área civil dispostos a convencê-lo a assinar uma moção de louvor a Sergio Moro.
Naquele mesmo dia, à tarde, uma turma de criminalistas também se reuniu com Lamachia e pediu que ele subscrevesse uma carta de repúdio às práticas do juiz da Lava Jato.
A cada uma das alas, Lamachia solicitou um tempo para ler o texto que pretendiam encaminhar a Moro, mas não assinou nenhum deles, lógico.

Informações da coluna Radar. Foto, Rovena Rosa / Agência Brasil

10 Comentários

  1. CAÇADOR DE VERMES PETISTAS Responder

    Fico aqui imaginando do sentimento desse Juiz no momento em que tenta de todas as maneiras fazer justiça e colocar esses ladrões na CADEIA. E por outro lado, vejo que o entusiasmo vai sendo consumido pela certeza de que tudo não vai dar em nada vez que todas as instituições estão falidas e 90% dos políticos estão corrompidos e comprometidos um com o outro de livrar o seu CÚ da reta.

    Bando de vagabundos.
    Político bom é aquele que deveria há muito estar preso.

  2. Moro, um dos pouquíssimos homens públicos que merecem reverência dos brasileiros. Para quem não sabe, Cláudio Lamachia, presidente da OAB, é petista.

  3. Jose Nascimento Responder

    Se Carlos Lamachia e Petista eu não sei, Nunca vida foto dele se confraternizando com essa gente. mais fotos ,videos, etc de um Juiz com Tucanos, e lamentável para um Grande Juiz como o Dr. Sérgio, que se não e tucano, e ferrenho antePetista.

  4. Jose Nascimento Responder

    Eu me divirto com comentários pitorescos dos caros blogueiros Sergio Silvestre, e o Caçador de Vermes petista, O Sergio deve ser filho do Paulo Benardo, e o Caçador filho de um juiz federal, especialista na casada de petista.

  5. Sergio Silvestre Responder

    Nascimento,esse imbecil ai o “caçador de rola”foi cagado por uma cegonha então não saiu de barriga saiu de uma fossa.

  6. Roberto rodrigues Responder

    Todos pilantras pagos pelo governador. Todos escondidos nos cargos comissionados. Não possuem nomes. São fakes

Comente