Uncategorized

A sucessão, segundo Temer


O presidente Michel Temer não tentará a reeleição. Mas pensa na sucessão. Acha que haverá um bloco à direita, com Jair Bolsonaro ou alguém menos flutuante (Bolsonaro já esteve em nove partidos, inclusive o Ecológico, diz defender o liberalismo mas gosta de estatais). outro bloco à esquerda, sob o comando do PT – ou, mais precisamente, de Lula, preso ou solto. Um bloco em cima do muro, organizado pelo esfacelado PSDB. Diante desse imbróglio, Temer quer chefiar a sucessão unindo partidos como PMDB, DEM, PSD, PTB, PTB, PR, PRB. Candidatos prováveis, Henrique Meirelles ou Dória.

Comente