Uncategorized

Doze depõem no processo de
Katia Dittrich

A Comissão Processante que investiga a denúncia de que a vereadora Katia Dittrich supostamente exigia parte dos salários de ex-funcionários de seu gabinete vai ouvir doze pessoas nesta semana. As oitivas começam amanhã.
Na semana passada, dois denunciantes que não puderam comparecer por motivos pessoais na primeira reunião de oitivas solicitaram reagendamento e deverão falar – Samira Tomé e Ronaldo Sérgio da Silveira Filho. Na sequência, duas testemunhas de defesa da vereadora serão ouvidas. Na quinta-feira pela manhã, outras quatro testemunhas de defesa, assim como outras três no período da tarde. A vereadora Katia Dittrich está agendada para fazer o último depoimento do dia.
A denúncia protocolada na Câmara no dia 15 de agosto diz que, após a nomeação no gabinete parlamentar no início deste ano, “a vereadora e seu marido passaram a exigir dos assessores uma contribuição monetária, de forma compulsória e com ameaças de exoneração em caso de recusa”. A parlamentar se defende, diz que é inocente e afirma estar sendo vítima de “mentiras e complôs”.

4 Comentários

  1. Pago para ver o resultado deste enrosco da vereadora dos animais. Ela simplesmente vai pegar o caminho do Custódio e Paulo frota.

  2. VEREDITO, EU APOSTO COM VOCE QUE NÃO VAI DAR EM NADA,VAMOS FAZER,

  3. A mulher comprou uma briga muito grande com gente muito próxima do rafaelzinho na eleição da comissão de legislação…

    e como não é do time do delegado batmam, periga pular

  4. Esta “Coisa” vai enrolar o ano inteiro … isto teria que resolver em 60 dias! Punição é a cassação, CLARO!!

Comente