Uncategorized

Os três cabos eleitorais de Picciani

Augusto Nunes,

Lindberg foi envergonhar o Rio no Senado. Picciani, derrotado, ajudou a destruir o Rio na presidência da Assembleia Legislativa

“A eleição para o Senado, ela mais que importante, ela é decisiva”, começa Sérgio Cabral, ainda em liberdade, num vídeo veiculado durante a campanha de 2010. “Lula e eu trabalhamos em união pelo Rio. Com Dilma, daremos continuidade a este trabalho. Precisamos eleger dois senadores que estejam sintonizados com essa união, com essa parceria. E que possamos confiar na defesa dos interesses do Estado. Lindberg Farias e Jorge Picciani serão o meu voto para o Senado Federal. E eu peço também o seu voto”.
Em outro trecho, Lula reforça: “Eu quero agradecer ao deputado Picciani a corajosa militância do PMDB”. Em seguida, entra Dilma Rousseff: “O Lindberg e e Jorge Picciani constituem os candidatos a senador que nós apoiamos”.
O desfile de cabos eleitorais é completado por Lidberg Farias: “Para votar para o Senado este ano são dois votos. Nós dois juntos, Picciani e Lindberg, vamos conseguir fazer muita coisa pelo Rio de Janeiro”.
Lindberg foi envergonhar o Rio no Senado. Picciani, derrotado, ajudou a destruir o Rio na presidência da Assembleia Legislativa.
Não acredita? Dá uma olhada no vídeo.

 

3 Comentários

  1. CAÇADOR DE VERMES PETISTAS Responder

    É de dar NOJO
    Na foto, so aparece a metade da cara do maior pilantra do Brasil.
    O verme que quebrou a economia e enfiou no rabo dos brasileiros imbecis tipo Sergio Silvestre a imbecil e desqualificada Dilma, “a coisa”.

    Bando de vagabundos.

  2. Diga-me com quem andas que te direi quem és.

    Cunha, Lulla, Dilma, Cabral, Picciani, Lindbergh, Aécio, Sarney, Carlos Minc, Gleisi, Dirceu. São todos iguais.

Comente