Uncategorized

Nota Paraná reduz IPVA para 104,8 mil paranaenses

O IPVA vai ser menor em 2018 para 104.870 contribuintes do Estado. Eles usaram os créditos acumulados no Nota Paraná para abater o valor integral ou parcial do imposto. O valor transferido somou R$ 13.216.803,21 – uma média de R$ 126,00 por pessoa. Caso não tenha abatido valor suficiente para quitar o tributo, o contribuinte receberá um boleto da Secretaria da Fazenda com a diferença ser paga em 2018.

A adesão este ano foi 169% maior que em 2016, quando 38.968 proprietários de veículos emplacados no Estado pagaram menos IPVA porque pediram “CPF na Nota” em compras realizadas no varejo. No ano passado foram destinados R$ 6,1 milhões em créditos do programa para o pagamento do IPVA e, em 2017, o incremento foi de 116%. “O Nota Paraná faz parte do ajuste fiscal e quem pede nota fiscal na compra ajuda a combater a sonegação. Em troca, vai pagar menos IPVA. Ganha o Estado e ganha o contribuinte”, diz o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa.

1 Comentário

  1. Humberto Patrocínio Responder

    O Nota Paraná começou muito mal em termos de credibilidade e quando deveria iniciar sua recuperação as entidades levaram tudo a perder.
    O objetivo inicial do projeto era incentivar o consumidor a pedir nota fiscal, mas a concorrência desleal das entidades, que possuem até softwares especialmente desenvolvidos para a captura de informações de tantas notas fiscais que amealham, acabou por decepcionar o consumidor, que não está recebendo seus créditos ou só está recebendo as migalhas que sobram.
    Não adianta de nada fazer propaganda se o consumidor não consegue ver resultados práticos do programa.

Comente