Uncategorized

Guerra de advogados

O cabo de guerra entre os advogados de Lula não se dá somente no campo criminal entre o grupo de Zanin e Sepúlveda Pertence. A esfera eleitoral também está a discutir. Eugênio Aragão, ex-ministro da Justiça e o escolhido para representar o petista no TSE, não concorda com Luiz Fernando Pereira, contratado por Gleisi Hoffmann, que abastece o partido com sustentações para que Lula dispute as eleições.
A situação é tão conflitante que o MBL encaminhou ação no TSE contra Lula. Quando Aragão chegou com a defesa, descobriu que Pereirinha já tinha feito isso.
O partido teme que a briga entre os advogados acabe por prejudicar o chefe. O PT claramente bate cabeça e não há um comando que organize a casa e coloque os pontos nos is.

(Foto: Google/Divulgação)

2 Comentários

  1. Grande Pereirinha!!!

    Sempre inventando moda!!

    Cuidado para não dar com os burros n’água, Pereirinha!!!

    O eleitor do PT pode estranhar se na última hora um “Lula do Brasil” lhe for apresentado!!

Comente