Uncategorized

“Calma, gente!”

A Associação Nacional dos Procuradores da República pediu ao STF liberação para que a categoria possa entrar nas disputas eleitorais sem deixar os cargos.
Muita gente não gostou, incluindo o advogado Técio Lins e Silva, que sobre a empreitada assim se pronunciou: “Isso mostra a voracidade e a arrogância dessas associações de classe que não têm limites para buscar poder. Calma, gente!”

3 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Reply

    Querem os bônus, mas, não querem os ônus. Afinal, sair candidato e perder a eleição e ainda ficar sem o cargo vitalício, com aposentadoria régia, auxílios e outros badulaques já é demais.

  2. Caro FABIO, favor anunciar aos membros dessa categoria de funcionários da nação, de que a lei eleitoral é para ser seguida por todos os brasileiros. Acreditamos nós que os membros da Associação Nacional dos Procuradores da República tem pleno conhecimento de tal lei. Caso contrário é conveniente a leitura da mesma e seguir os passos ali estabelecidos. Isso é seguir a legalidade institucionalizada. Fora da legalidade é barbárie. Atenciosamente.

Comente