Uncategorized

Estratégia de substituição

Jaques Wagner não está disposto a seguir com a maluquice de boa parte do PT em ficar a bater na tecla de que Lula será candidato. Prefere tratar dos fatos: “Acho impossível sombrear a candidatura do Lula. Acho uma bobagem quem está falando que expor Haddad é problema. Ao contrário, se temos uma estratégia de substituição, nós não vamos ter a vida inteira para expor o Haddad”.

(Foto: Google/Reprodução)

2 Comentários

  1. antonio carlos Responder

    O cara está coberto de razão, pelo menos assim o partido morre lutando e não sendo esmagado de vez nas urnas.

  2. LUIZ DO LITORAL Responder

    Maior vergonha é o fato de estarmos presenciando um fato inédito e ridículo no Brasil de se perder tempo em debater a possibilidade de um PARESIDIÁRIO, CONDENADO, ENCANADO E FICAHA SUJA sair candidato ao maior cargo político do Brasil.

    Tristeza e indignação maior é ver parte do povo (imbecis, doentes, alucinados, mudos, surdos e cegos) inertes a tais fatos e apoiando este marginal.

    Lula da Silva esta atrapalhando o Brasil, é um câncer a ser exterminado.

    Esse verme tem que apodrecer na CADEIA.

Comente