Uncategorized

Candidatos do PSL destroem homenagem a Marielle

Veja,
Dois candidatos a vagas de deputado pelo PSL do Rio posaram para uma foto em que exibem, sorrindo, um cartaz partido ao meio e que simula placa de rua com o nome da vereadora Marielle Franco (Psol), assassinada em março. O cartaz, que indica a “Rua Marielle Franco” (que não existe oficialmente), foi uma homenagem de simpatizantes da parlamentar e havia sido colocado na Cinelândia, Centro do Rio, diante da Câmara Municipal, sobre a placa que indica o verdadeiro nome da praça. O PSL é o partido de Jair Bolsonaro, candidato a presidente da República. 
Os dois candidatos – o policial militar Daniel Silveira e o advogado Rodrigo Amorim – foram os responsáveis por arrancar o cartaz do poste de sinalização. Em vídeo postado em redes sociais e que documenta a ação, feita à noite, eles alegam que a placa, por esconder o nome da praça, representava uma depredação do patrimônio público. A VEJA, Amorim criticou também o que classificou de “comportamento hipócrita” de grupos de esquerda que, segundo ele, protestaram contra o assassinato da vereadora, mas ignoram as demais vítimas da violência.

Amorim disse que a foto, apesar dos sorrisos exibidos por ele e por Silveira, não pode ser vista como um deboche à memória de Marielle. De acordo com ele, a imagem foi captada no último fim de semana, durante um comício em Petrópolis, cidade da região serrana fluminense. Afirmou que ele e o outro candidato levaram o cartaz ao ato de campanha para ressaltar o desrespeito ao patrimônio público. Na foto, Amorim, que em 2016 foi candidato a vice-prefeito do Rio na chapa encabeçada por Flávio Bolsonaro, veste uma camiseta com o rosto do presidenciável do PSL.

5 Comentários

  1. Ei, JUMENTOS, com esse ato “heróico” vocês ajudaram muito o candidato Bolsonaro, NÉ?

    P.S.: Que os pacíficos e inteligentes jumentinhos me desculpem por tê-los comparado a esses dois…IDIOTAS!!!!

  2. Dois escrotos nojentos.
    Para incomodar tanto é por Marielle estar ainda viva.
    #MariellePresente

  3. Retiraram um simulacro, um cartaz ou placa pirata, que foi colocada sobre uma placa oficial da Prefeitura do Rio de Janeiro,provavelmente pelos jumentos e escrotos nojentos do Psol/Pt/Pc do B que acham que o espaço público lhes pertence…!!!
    Bolsonaro Presidente…!!!

  4. Se a Câmara de Vereadores do Rj decidir que esta rua tenha o nome da ilustre vereadora assassinada tudo bem…até lá esta militância mortadela tem que seguir as leis, o que eles não gostam muito…!!!
    Mito…Presidente…!!!

  5. eleitor desmemoriado Responder

    Mentira, não passa de mais uma fake news postada por esta revistinha. Já foi negada e explicada a razão.

Comente