Uncategorized

Sete ex-prefeitos do Norte Pioneiro têm bens indisponibilizados

Em Santo Antônio da Platina onze pessoas ligadas à Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi), incluindo ex-prefeitos de cidades da região e ex-funcionários da associação, estão com bens indisponibilizados liminarmente pela Justiça. O pedido foi do Ministério Público do Paraná dentro da Operação Cheque em Branco.
A Cheque em Branco apura irregularidades na Amunorpi, entidade privada mantida com verbas públicas repassadas pelos 26 municípios associados. A ação trata de gastos irregulares com combustíveis, como uso de dinheiro público para abastecer veículos particulares.
Foi imposta a indisponibilidade de bens dos réus em valores diversos, sendo o maior em R$ 51.446,37. Estão entre os réus ex-prefeitos dos municípios de Siqueira Campos (gestão 2009-2012), Joaquim Távora (gestão 2009-2012), Ribeirão do Pinhal (gestão 2009-2012), Guapirama (gestão 2013-2016), Tomazina (gestão 2013-2016), Barra do Jacaré (gestão 2013-2016) e Wenceslau Braz (gestão 2013-2016).

Comente