Uncategorized

Jaime Lerner lamenta
morte de Tato Taborda

Jaime Lerner, que teve relacionamento muito próximo com Tato Taborda, enviou nota ao blog em que lamenta a morte do amigo. É o que segue:

“Alma nobre , Tato Taborda tinha a discrição dos sábios e uma inteligência cortante, quase sempre permeada pelo fino humor a realçar ainda mais sua personalidade marcante. Tivemos uma convivência de quase toda uma vida. Dos tempos de Colégio Estadual do Paraná, onde ele conquistava as melhores notas, passando pelos auditórios de rádio, em que ganhamos incontáveis latinhas de fermento respondendo perguntas em programas patrocinados pela empresa Fleischmann, até a vida pública, em que ele teve atuação destacada. Assessor do presidente João Goulart, trabalhou intensamente para a criação do Grupo Executivo para as Terras do sudoeste do Paraná, o Getsop, que finalmente pacificou a região, conflagrada pelos conflitos agrários desde 1 957, quando os colonos se revoltaram contra a grilagem de terras. Quando ele se aposentou do Tribunal do Trabalho, numa carreira que conciliou com o exercício do jornalismo, levei-o para a chefia da Casa Civil e, depois, para a Secretária de Justiça, cargos que exerceu com honradez e habilidade política. Sua partida repentina é uma dura perda, que só a memória e as homenagens, que tanto merece, podem amenizar. “ Jaime Lerner

2 Comentários

  1. Parreiras Rodrigues Responder

    Meu pai, Manoel Alves Rodrigues, o Mané Ceearense, primeiro motorista de caminhão ainda em 48, da Companhia Tarquinio Marques Ferreira, colonizadora de Santa Isabel do Ivai, vereador à primeira Câmara em 55 sitiante, falava sempre do d.r Pretextato. Ficaram amigos por causa do velho PTB, Getulistas e Janguistas.

  2. Fabio,
    Quanta emoção e gratidão! Belo texto de Jaime Lerner e comovente comentário de Pareiras Rodrigues.

Comente