Uncategorized

Proposta para manter função de cobrador no Paraná

O deputado estadual Boca Aberta Junior (PROS) protocolou um projeto de lei que pretende preservar a função de cobrador no Paraná. Conforme a proposta, os municípios do estado estariam proibidos de tolerar que motoristas de ônibus acumulem a função de também cobrar a passagem. Atualmente, várias cidades do Paraná já não contam mais com a função nos ônibus. Em Londrina, algumas linhas já circulam sem cobrador.

Empresas de transporte coletivo dizem que oferecem oportunidades para que os cobradores subam de cargo e se tornem motoristas. No entanto, a classe sindical que representa a categoria, se diz preocupada com a extinção da função, e consequentemente o desemprego gerado.

O deputado Boca Aberta Junior defendeu a ideia: “A função de cobrador é importante até para segurança do transporte coletivo. O motorista que dirige e cobra a passagem pode se perder e até provocar um acidente por causa da atenção que ele deve dispor ao conduzir o ônibus. É importante também preservarmos empregos, em um momento difícil que vem passando o país”, disse. A proposta do deputado foi protocolada e deve ser votada em plenário e sancionada pelo governador Ratinho Junior antes de vigorar. Caso sancionada, os municípios terão até 120 dias para se adequar às normas.

10 Comentários

  1. Tá certo do deputado Boca Aberta Jr. Finalmente alguém pra defender a manutenção de empregos, num momento de altíssimo desemprego e desalento (28,5 bilhões) de brasileiros.

    Num momento em que os bancos (todos) amealham lucros das galáxias e ainda demitem à vontade em nome da tecnologia e da modernidade !

    Cadê o aspecto social: como as pessoas sobreviverão sem uma fonte de renda (minima que seja) ?

    Sabemos que as novas tecnologias, a era da informação e a inteligência artificial são matadoras de empregos, mas nem por isso devemos ceder assim PACATAMENTE, sem o mínimo de discussão e debate !

    Os governos o que fazem diante de tamanha catástrofe ?!Muitos, acriticamente e sem um debate com a sociedade contribuem para esse flagelo humano (a falta de empregos) e só !

    Parabéns Deputado Boca Aberta Jr (que nome, hein ?) !

  2. É a volta do populismo irresponsável e do atraso.
    Quem perde são os passageiros que hoje pagam mais 20% na tarifa pra manter cobrador, quando existe a bilhetagem em todos os ônibus.
    Que tal trazer de volta todos os caixas de banco, acabando com os caixas eletrônicos?

  3. Leonardo Santos Responder

    Que coisa mais idiota, daqui a pouco vai querer a volta dos escravos…. o que será que ele pensa de requalificação …. não tem cérebro

  4. Esta é uma função que infelizmente vai se acabar, mas é importante que as empresas qualifiquem os profissional em outra função para que não os demita. Pode ser nas próprias empresas ou qualquer outro tipo de qualificação.

  5. O deputado Boca Júnior ta de parabéns um bon projeto para manter os cobradores no emprego londrina ta precisando muito de empregos e de indústrias o povo so tem a ganhar com esses dois deputado BOCA ABERTA e BOCA Júnior são os deputados do POVO

  6. Moro no Rio de Janeiro aqui acabou o cobrador nos coletivos o prefeito Marcelo Crivela falou que ia voltar com os cobradores mas não voltou.ficou muito gente desempregado aqui os em empresário só querem ficar mais ricos eu acho um absurdo.

  7. Paulo Roberto Motta Alves do A Responder

    Concordo plenamente com a não extinção dos cobradores e que se criasse uma Lei de estância Federal proibindo o FIM DA DUPLA FUNÇÃO em todo território brasileiro .

  8. Parabéns ao autor desta proposta,até porque o o cobrador é o auxiliar de transporte urbano,treinado para ajudar idosos,portadores de necessidades especiais,senhoras com crianças no colo e portadores de bolsa etc.Contribuem para aumentar a renda per capita do País e reduz a taxa de desempregos.Detalhes é necessário urgente aprovação deste projeto lá na Câmara dos Deputados Federais.Rodoviários e Caminhoneiro se pedem socorro.

  9. Bom dia sou cobrador Tabem Ha 27 anos a juda o cobrador a juda o motorista nas manobras e nos embarques e desembarques e os defesientes fisicos e os caderantes

Comente