Uncategorized

Jucá e filho são suspeitos de comandar esquema de candidaturas laranjas

Segundo o G1, o ex-senador Romero Jucá e seu filho Rodrigo Jucá são suspeitos de comandar o esquema de candidaturas laranjas investigado pela Operação Títeres, deflagrada hoje pela PF.

O esquema teria envolvido PSD e MDB na eleição de 2018. A PF não divulgou os nomes dos alvos da operação.

Em nota, a assessoria de Romero Jucá afirmou desconhecer as investigações e rechaçou “qualquer ilação de cometimento de irregularidade”.

São investigados os crimes de associação criminosa, falsidade ideológica eleitoral e apropriação de valores do financiamento eleitoral. Somadas, as penas podem chegar a 14 anos.

Comente