Uncategorized

“Teremos dias difíceis, dias duros pela frente”, diz Bolsonaro

Jair Bolsonaro encerrou a entrevista à imprensa ao lado dos ministros pedindo à população cuidados de higiene para reduzir a disseminação do novo coronavírus.

“O problema está aí, está batendo à nossa porta. Teremos dias difíceis, dias duros pela frente. Agora, serão menos difíceis se cada um de vocês se preocupar consigo, com seus parentes e amigos. Somente dessa forma, seguindo os preceitos ditados pelo Ministério da Saúde, como em primeiro lugar, medidas básicas de higiene, podemos alongar a curva da infecção”, afirmou.

“De modo que, nós, Poder Executivo, através de nossos meios, hospitais e demais órgãos de saúde, atender aqueles que necessitarem, e atender com qualidade. Somente dessa maneira, podemos não resolver, até porque não existe vacina, mas podemos atenuar muito”, continuou.

“O pânico não leva a lugar nenhum. Repito que o momento é de grande preocupação, é de gravidade, mas devemos evitar que esse clima chegue a nós, adotando essas medidas.”

1 Comentário

  1. Alvaro Santos Reply

    Certíssimo Bolsonaro, sem histeria.

    * Sarampo causou 142 mil mortes no mundo em 2018, diz OMS;
    ** Todos os anos, aproximadamente 2 milhões de crianças ao redor do mundo morrem de diarreia
    *** Número de morte por ebola em um mês na República Congo supera 2.000;

    Precisa de mais comentários?

Comente