Uncategorized

FMI prevê queda recorde
de 5,3% no PIB do Brasil

A pandemia do novo coronavírus causa impacto sem precedentes na economia mundial. Segundo o Fundo Monetário Internacional, a economia global contrairá 3% em 2020, efeito maior do que o da crise financeira de 2008 e 2009. No Brasil, essa redução do PIB é estimada em 5,3%, índice que, se confirmado, será o pior resultado anual para o PIB de toda a série histórica disponibilizada pelo Banco Central e que compila dados do IBGE, a partir de 1962. Nos Estados Unidos, que se converteram no epicentro da pandemia, o golpe previsto é o maior desde a crise de 1929.

Na segunda, o Donald Trump declarou ter “total autoridade” para decidir sobre a retomada da atividade econômica no país, e não os governadores de cada Estado. Na Espanha, uma norma publicada nesta terça permite que as autoridades locais tomem controle de laboratórios privados, para acelerar testes e evitar preços abusivos. O país registrou 567 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, um ligeiro aumento em comparação com as 517 mortes na segunda-feira, embora a taxa de crescimento seja semelhante à do dia anterior (cerca de 3%). Já o Brasil contabiliza 1.328 mortes, com 23.430 casos confirmados, num contexto de déficit generalizado de testes.

Comente