Uncategorized

Lula defende fala de Gilmar
sobre ‘genocídio’ de militares

O ex-presidente Lula defendeu a fala de Gilmar Mendes sobre o Exército em uma live com petroleiros. Disse que não era contra militares em cargos públicos, mas que o general Eduardo Pazuello, que comanda o Ministério da Saúde, não entende da área. “E os militares ainda ficaram bravos com o ministro Gilmar Mendes” seguiu ele, referindo-se à afirmação do magistrado de que o Exército está se associando a um genocídio no combate falho à epidemia da Covid-19.

TUDO ERRADO – “O Gilmar está certo. Ele não culpou o Exército. O Gilmar disse que o Exército, participando do jeito que está participando, sem cobrar um comportamento adequado do presidente da República [Jair Bolsonaro], vai contribuir com os erros do presidente da República”, disse Lula. As informações são da colunista Mônica Bergamo.

7 Comentários

  1. Caro Fábio, prezado, com essa postagem, divulgando manifestação desse ladrão, bate-pau de praça, está desmerecendo a qualidade de seu jornal. Atenciosamente.

  2. Larry de Camargo Vianna Nascim Responder

    Voce ainda dá guarida para este ladrão. Por essa e outras é que o País não anda. Que barbaridade!!!!!

  3. Todo mundo (ONGs,artistas, empresas, mídia) cooperando,
    pra aliviar o fardo que nos impõe pandemia.
    Mas o PT…
    O PT não está fazendo NADA!
    O PT não está fazendo NADA!
    O PT não está fazendo NADA!

  4. E o que este jumento (me desculpem os animais), tem de dar palpite. O que fez foi muito pior, quantos brasileiros matou por falta de recursos públicos desviados em seu próprio benefício, dos filhos e suas quadrilhas organizadas. Gilmar Mendes também não fica muito longe, pois semelhantes se atraem,

Comente