Uncategorized

Confissões do general Pazuello


No dia em que o Brasil ultrapassou cinco milhões de casos confirmados de Covid, o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello confessou que quando assumiu a pasta interinamente, “não sabia nem o que era SUS”. Tudo bem, como soem repetir as almas parvas. O general teve a humildade de confessar sua ignorância. Homem da caserna, não tem contato com a realidade externa e muito menos com serviços públicos que não usa.

Chato é quando demonstra ignorância mais ampla, sobre tema que devia deixar de lado para não dar vexame. É o caso do lançamento da campanha Outubro Rosa. Pazuello atrapalhou-se todo ao se referir ao ao se referir ao câncer de mama. Titubeou, não conseguiu pronunciar mama, e não passou na prova oral. “É uma doença muito complicada. Então o câncer tá aí. Ele é… ele está aí. E isso precisa ser compreendido”, disse ele. E mais não disse.

4 Comentários

  1. É melhor mentir, enganar, empulhar. Esta é a linguagem do povo e da mídia. Fazer como o farsante Mandetta que não sabia o que fazer e dizia o que convinha aos ouvidos da mídia, dos intelectualoides, etc… ninguém sabia nada o que fazer no início, nem aqui nem em lugar algum. Usaram as mesmas técnicas da sabedoria de outrora, até medievais. Fique em casa, proteja-se, fuja para as montanhas….empulhação, mentira, embuste… esta praga pegou todos de surpresa e não me venham com o papo furado do meio ambiente que gerou isso…. politizaram o vírus aqui e em todos os cantos…

  2. Parreiras Rodrigues Responder

    Para a elite financeira, política e por ela obsequiados, SUS significa: Sistema Único do Sírio

Comente