Uncategorized

Depois de demissão, ex-ministro do Turismo chama Bolsonaro de ‘irmão’

Bolsonaro demite ministro do Turismo, Marcelo Álvaro AntônioCom sua demissão oficializada no Diário Oficial da União, o agora ex-ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio usou suas redes sociais para falar de sua atuação na pasta e para elogiar Jair Bolsonaro, a quem chamou de “amigo e irmão”. Marcelo Álvaro foi demitido depois de criticar pesadamente o ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, o acusando de negociar o comando do Turismo com o Centrão em troca de apoio ao governo.

“Encerro hoje a minha passagem pelo Turismo e a única coisa que posso dizer é MUITO OBRIGADO. Agradecer primeiramente a Deus; ao meu amigo e irmão, presidente Jair Bolsonaro, pela oportunidade de integrar o melhor governo da história do Brasil, servidores, Ministros…”, escreveu Marcelo.

“Foram quase 2 anos de muito trabalho e ótimos resultados, com vários recordes quebrados e o reconhecimento que garantiu feitos históricos ao setor, como a isenção de vistos para 4 países, a transformação da Embratur em agência, a implantação do Programa Revive”, citou, entre outros pontos de sua gestão.

“O turismo será fundamental para a nossa recuperação econômica! Deixamos tudo pronto pra uma retomada segura para o setor e para os turistas. Por fim, reafirmo meu compromisso de seguir trabalhando com ética, respeito e lealdade ao presidente Jair Bolsonaro e ao meu amado Brasil”, concluiu o ex-ministro que reassumirá o mandato de deputado federal. As informações são do BRPolítico.

1 Comentário

Comente