Uncategorized

DIA DO MAZZA

Hoje, Luiz Geraldo Mazza completa 90 anos. Quando mudei para Curitiba, em 1960, ele já era nome emblemático no jornalismo nativo. Mestre, modelo, referência de gerações de jornalistas, devemos muito ao Mazza e sua inteligência.

A memória prodigiosa, a capacidade de análise perfeita, o humor cáustico do Mazza já não dispõe do espaço que merece. A mediocridade impôs um jornalismo embrutecedor. O que vemos hoje no Paraná é o oposto do bom jornalismo. Não valoriza o texto, a informação e a profundidade da crítica e da reflexão. Agora, a desinformação tem seu veículo e escoa na internet.

Mazza, Lulu para os próximos, continua ativo e operante. Tem um blog, uma coluna na revista Ideias, grava suas análises sobre a vida paranaense e brasileira. Está em forma, embora já não possa mexer os quadris e dar dribles nas peladas do Birg. É um privilégio a nossa convivência.

Salve o Mazza! Viva o Mazza!

5 Comentários

  1. Jaime Lechinski Responder

    Todas as homenagens ao Mazza. Com credencias para brilhar como jonralista em qualquer lugar do mundo, preferiu ficar aqui, como pinheiro que não se transplanta. Cosmopolita por sua visão de mundo, informadíssimo, é notável como sua energia se mantém aos 90.

  2. Um mito vivo, um sábio a ser seguido, uma referência rara.Uma oportunidade única de aprendizado no rumo de um mundo de regeneração. Jornalistas, aproveitem!

  3. Eu Atendi Muitas Vezes Este ótimo Jornalista Quando eu Éra Garçon do Restaurante Pote Chopp no Centro de Curitiba,,e Varias Vezes,Testemunhei Que Quando Ele Chegava Todos o Abraçavam e Ficavam em Sua Volta Ouvindo Seus Comentários,,,Grande Pessoa,,Grande Jornalista….(,,VIVA MAZZA..)………………………….

  4. Parreiras Rodrigues Responder

    O mais lido na Folha de Londrina quando aquele jornal chegava de manhãzinha nas rodoviárias de todas as cidades do Paraná, um pouquinnho mais tarde em cidades de Sta Catarina, do Mato Grosso do Sul, São Paulo e no DF.

Comente