Uncategorized

Moro causa pena, diz Gilmar Mendes

Não está fácil a vida de Sergio Moro, ex-juiz, ex-ministro de Bolsonaro, ex-anjo vingador da Lava Jato. Caiu a casa com as revelações da Vaza Jato. Pois. pois, sobram provas contundentes de concluio de Moro e os procuradores comandado por Deltan Dallagnol na condução do processo que levou Lula à prisão e ao alijamento da vida política. Agora, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes voltou a criticá-lo em entrevista para a Rádio Gaúcha, de Porto Alegre.
Gilmar votou favoravelmente ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Segunda Turma do STF para manter o acesso da defesa petista às mensagens roubadas da Lava Jato. Durante o julgamento, ele declarou que “Moro criava suas próprias regras”.

Ao ser perguntado se seu voto tinha a intenção de constranger o ex-ministro, Gilmar respondeu: “Ele é uma figura que me causa pena. Eu não sei qual desfecho as instituições darão a esse imbróglio. É muito fácil fingir que não houve nada. Como os tribunais vão explicar que tenha acontecido isso nas barbas deles? Nós todos erramos”.

10 Comentários

  1. Me dá pena é do Gilmar e asseclas, o Sr. Moro anda de cabeça erquida em qualquer lugar, mas Ele Gilmar, e asseclas quero ver………

  2. Me causa pena e vergonha ter um ministro desses no STF, que finge que nada aconteceu, que não condena ninguém, que solta ladrões sem o mínimo pudor…pode absolver o LULARÁPIO e prender o Moro, é isso que vai fazer, mas nós, o povo brasileiro, não haveremos de esquecer o que essa esquerdalha fez em 16 anos de poder.. são todos inocentes, não teve conluio, não roubaram nada…ah tem dó
    E Campana, pode divulgar meu comentário….

  3. Como é que pode o Gilmar Mendes se passando por santinho e condenando o Dr. Sergio Moro como base em mensagens hackeadas.
    Seria bom vasculhar a origem de seu patrimônio em Portugal, aí sim teremos pena do Gilmar tentando explicar o inesplicavel.
    ele e sua esposa Guiomar tem muitas explicações a dar !!!!!

  4. É bem rara a fundamentação em fatos concretos (reais) nas decisões judiciais. A ESMAGADORA MAIORIA, TAL COMO A DENÚNCIA SE BASE NO ABSTRATIVISMO, como causas e efeitos dos delitos penais, que por óvbio, se ocorridos as consequências são naturais (corrupção, sonegação, roubo, tráfico, estupro, etc)..

Comente