Caminhoneiros protestam contra aumento do diesel e da gasolina

Dezenas de caminhoneiros estão na tarde desta terça-feira (2) diante do acesso à Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), no município de Araucária, na Grande Curitiba, para protestar contra o aumento do preço do diesel, já em vigor. A ideia é fazer uma movimentação no local durante todo o dia. Novos atos podem ser marcados para esta quarta-feira (3). Alguns dos manifestantes apoiam o bloqueio dos acesso à Repar.

Segundo o anúncio do Governo Federal, o aumento do óleo diesel foi de 5% (ou R$ 0,13 por litro). O preço para as distribuidoras passou a ser de R$ 2,71. Já o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficou 5,2% mais caro. A gasolina também teve aumento, ficando R$ 0,12 mais caro (4,8%) e passou a custar R$ 2,60 para a venda às distribuidoras.

1 Comentário

  1. Já passou da hora do povo gritar, estão de brincadeira, se ninguém rouba neste governo porque tanto aumento, política econômica uma mer….da, saúde nem fala. Meu Deus até onde vamos parar…..

Comente