Uncategorized

2ª Turma do STF vota contra declarar Moro parcial na condenação de Lula


Kassio desempatou o placar, com resultado provisório de 3 a 2 contra a suspeição de Moro. Ministra Cármen Lúcia, no entanto, pode se manifestar novamente ainda hoje.

O ministro Kassio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou nesta terça-feira (23) contra declarar que o ex-juiz federal Sérgio Moro foi parcial ao condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na ação do triplex do Guarujá.

Com o voto de Kassio, o placar provisório é de 3 a 2 contra declarar Moro parcial, mas o julgamento pode sofrer uma reviravolta, já que a ministra Cármen Lúcia avisou aos colegas no início do mês que deve se manifestar novamente.(com Agência Estado)

1 Comentário

Comente