Uncategorized

Em um ano, mais de 8 milhões de brasileiros perderam seus empregos

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 14,2% no trimestre encerrado em janeiro, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados na manhã desta quarta-feira. É a maior já registrada para o trimestre desde 2012, quando foi iniciada a série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad Contínua).

Ao todo, 14,3 milhões de brasileiros estavam sem um posto de trabalho no início deste ano. Janeiro foi o primeiro mês após o fim do auxílio emergencial dado pelo Governo à população mais vulnerável.

Embora a taxa de desocupação tenha ficado estável frente ao trimestre anterior, no contraste com o mesmo período do ano passado, ela subiu. Em janeiro de 2020, antes da pandemia de covid-19, quando o mercado de trabalho ainda não havia sido fortemente impactado pela crise sanitária, estava em 11,2%. Em um ano, 8,1 milhões de pessoas perderam o emprego, uma queda de 8,6% na população ocupada do país.

Comente