Uncategorized

Curitiba retoma vacinação da primeira dose contra a Covid-19

A Prefeitura de Curitiba anunciou, nesta quinta-feira (15), que vai retomar o cronograma de aplicação da primeira dose de vacinas contra a Covid-19. Na sexta-feira (16), serão vacinados idosos com 66 anos completos nascidos no segundo semestre. No sábado (17), idosos com 65 anos completos.

Por falta de vacinas, que são enviadas pelo Ministério da Saúde, o cronograma da primeira dose tinha sido interrompido após a vacinação das pessoas de 66 anos completos, nascidas no primeiro semestre.

O novo cronograma foi possível, segundo a prefeitura, com a confirmação da chegada de um novo lote de vacinas contra Covid-19. Só no grupo de 65 anos, são pelo menos 15 mil pessoas, conforme a prefeitura.

Foram incluídos dois novos pontos de vacinação. Com isso, agora são 18 endereços fixos para aplicação das vacinas. Objetivo, segundo a prefeitura, é reforçar a estrutura, pois as faixas de menor idade incluem mais pessoas. Veja abaixo os pontos de vacinação.

Confira o cronograma para primeira dose:

Sexta-feira (16): idosos com 66 anos completos, nascidos entre 1º de julho e 31 de dezembro;
Sábado (17) pela manhã: idosos com 65 anos completos, nascidos entre 1º de janeiro e 30 de junho;
Sábado (17) a tarde: idosos com 65 anos completos, nascidos entre 1º de julho e 31 de dezembro.

De acordo com a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, a retomada vai ser feita com as doses que estão destinadas à segunda aplicação. Esse uso “antecipado” está sendo feito por conta do envio de novos lotes de vacina.

“Como temos a informação do Ministério da Saúde de que um novo lote já está a caminho, vamos agilizar a aplicação da primeira dose. Quando a nova remessa chegar, faremos a reposição dos imunizantes reservados para a segunda dose”, explicou Márcia.
A continuidade do cronograma de vacinação, para outros grupos, porém, depende de avaliação do estoque remanescente e da chegada de novas doses.

Até quarta-feira (14), Curitiba vacinou, com a primeira dose, 249.380 pessoas contra a Covid-19. Na capital, são 90.403 pessoas que receberam a segunda dose da vacina, segundo a prefeitura.

O que fazer para tomar a vacina?
Conforme a prefeitura, quando chegar a vez, é recomendável que os idosos sejam acompanhados até os pontos de vacinação. Não será preciso agendamento.

Eles precisam levar documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência com endereço de Curitiba para quem não tiver cadastro na plataforma Saúde Já.

Pontos de vacinação de idosos:
Locais fixos (das 8h às 18h), de segunda a sexta-feira:

Pavilhão da Cura, no Parque Barigui
Unidade de Saúde Salvador Allende, na Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712, no Sítio Cercado
US Parigot de Souza, na Rua João Eloy de Souza, 11, Sítio Cercado
US Vila Diana, na Rua René Descartes, 724, no Abranches
US Jardim Paranaense, na Rua Pedro Nabosne, 57, no Alto Boqueirão
US Visitação, na Rua Dr. Bley Zornig, 3136, no Boqueirão
US Camargo, na Rua Pedro Violani, 364, no Cajuru
US Uberaba, na Rua Cap. Leônidas Marques, 1392, no Uberaba
Clube da Gente CIC, na Rua Hilda Cadilhe de Oliveira
US Ouvidor Pardinho, na Rua 24 de Maio, 807, na Praça Ouvidor Pardinho
US Vila Feliz, na Rua Pedro Gusso, 866, no Novo Mundo
US Aurora, na Rua Theofhilo Mansur, 500, no Novo Mundo
US Pinheiros, na Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370, em Santa Felicidade
Rua da Cidadania do Tatuquara, na Rua Olivardo Konoroski Bueno
Rua da Cidadania do Fazendinha, na Rua Carlos Klemtz, 1700.
US Fernando de Noronha, na Rua João Mequetti, 389, no Santa Cândida
Centro de Referência, esportes e atividade física, na Rua Augusto de Mari, 2150, no Guaíra
Paróquia Santo Antônio, na Avenida Paraná, 1939, Boa Vista.

1 Comentário

Comente