Uncategorized

Psicóloga é vítima de armação


A psicóloga Daniela Matheus narra a espiral de violência e arbítrio a que foi submetida por bolsonaristas e a polícia em Curitiba. Uma denúncia grave que merece a atenção da Ouvidoria, do Ministério Público e da Assembleia Legislativa.
“O estado validou meu linchamento”, diz psicóloga presa por “tentativa de homicídio” por ovo atirado em manifestação. É um relato pungente e constrangedor para quem tem consciência democrática.

De repente, a Polícia Militar invadiu seu apartamento e na frente de sua família deu ordem de prisão sob alegação de que ela teria atirado ovos na manifestação e, “talvez”, ferido uma pessoa. Deu-se uma encenação ao gosto dos manifestantes bolsonaristas e coonestado pela PM. A imprensa, sem nenhum cuidado em averiguar o caso, repercutiu a versão dos bolsonaristas. No link abaixo você pode ler o depoimento da psicóloga e atestar a brutalidade com que foi tratada.

https://theintercept.com/brasil/

Comente