Tag

acareação

Browsing

O líder do PSC na Câmara dos Deputados, André Moura (SE), protocolou requerimentos na CPI da Petrobras para acareação da presidente Dilma Rousseff (PT) e os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Edinho Silva (Secretaria de Comunicação) com o doleiro Alberto Youssef, no caso de Dilma, e dos ministros com o do dono da UTC, Ricardo Pessoa. As informações são da Folha de Londrina.

Os requerimentos são respostas a ameaças de parlamentares governistas que pediram a acareação entre o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o lobista Julio Camargo, que acusou Cunha de pedir propina de US$ 5 milhões. Para que as acareações ocorram, elas precisam ser aprovadas pela CPI na volta do recesso em agosto.

vaccari1-

da Folha de S. Paulo:

A defesa do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto informou nesta terça-feira (7) ao STF (Supremo Tribunal Federal) que ele permanecerá em silêncio durante acareação com o ex-gerente de Serviços da Petrobras Pedro Barusco. A acareação, marcada pela CPI da Câmara que investiga irregularidades na estatal, está prevista para quinta-feira (9).

pauloroberto-gleisi-youssef

Paulo Roberto Costa ficou frente a frente com o doleiro Alberto Youssef por 10 horas, na Polícia Federal, em Curitiba, para tratar de pontos conflitantes de delações.

Por Ricardo Brandt, Fausto Macedo e Julia Affonso – Estadão:

O ex-­diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa sustentou em acareação com Alberto Youssef nesta segunda-­feira, 22, em Curitiba, que o ex-­ministro de Comunicação Paulo Bernardo solicitou R$ 1 milhão para o esquema de cartel e corrupção na Petrobrás. Peças centrais nas investigações da Operação Lava Jato, os dois ficaram frente a frente por cerca de 10 horas para confrontar versões conflitantes de suas delações premiadas, em relação ao envolvimento de políticos.

Do Painel, Folha de S. Paulo:

Parlamentares petistas acham que as declarações de ontem de Paulo Roberto Costa na CPI da Petrobras complicaram a situação do ex-presidente da estatal José Sérgio Gabrielli. O ex-diretor confirmou ter enviado e-mail à então ministra da Casa Civil Dilma Rousseff, em 2009, sobre irregularidades na obra da refinaria de Abreu e Lima, e disse que Gabrielli foi informado. Os petistas ficaram aliviados que a oposição não tenha explorado a deixa para implicar o ex-presidente da estatal.

Deputados e senadores dizem que, por ora, Gabrielli está “blindado”, alojado no secretariado de Jaques Wagner (PT) na Bahia.

Costa
Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras, que está em prisão domiciliar, com direito a tornozeleira e tudo mais, deu muita risada quando soube que presidentes e executivos de grandes empreiteiras disseram que só pegavam propinas porque estavam sendo extorquidos. “E por que eles não denunciavam quem estaria fazendo a extorsão?” Mais: Paulo Roberto já avisou a Polícia e a Justiça Federal que, sendo necessário, aceita fazer uma acareação com qualquer um deles.