Tag

Aliel Machado

Browsing

gleisi-barbiero

A senadora Gleisi Hoffmann (PT), aliada do deputado Aliel Machado (Rede) na disputa da prefeitura de Ponta Grossa nas eleições de outubro, tenta puxar o PV para apoiar o ex-comunista. Gleisi nomeou o ex-candidato a vice-prefeito João Barbiero (PV) no seu gabinete no Senado. A nomeação de Barbiero foi publicada no dia 8 de junho no diário oficial no Senado.

(fotos: divulgação/reprodução)

gleisi-hoffmann-aliel-machado

Em Ponta Grossa, o deputado Aliel Machado (Rede) está tendo que explicar o dinheiro doado à sua campanha em 2014 como suspeito de propina da Petrobras e de outros casos de corrupção investigado pela Lava Jato. Na prestação de contas do ex-comunista há doações suspeitas no valor de R$ 344,9 mil – 59,8% do arrecadado naquele ano. A HRT 07G Exploração e Produção de Petróleo repassou R$ 100 mil para Aliel e outros R$ 100 mil foram doados pela JBS/Friboi. A HRT prestou serviços para a Petrobras e a Friboi está sendo investigada por repassar propina a um grupo de senadores, entre eles, Roberto Requião (PMDB), aliado de primeira hora do deputado.

aliel machado_2

Quem mais sofre pressão na comissão do impeachment são aqueles que ainda não decidiram o seu voto e que pretendem, neste ano, disputar as eleições municipais. Os parlamentares que estão nesta situação têm recebido milhares de mensagens via Whatsapp, e-mail e redes sociais de militantes pró e contra impeachment. De olho na prefeitura de Ponta Grossa, Aliel Machado (Rede-PR), que não é aliado de Dilma, também não estaria disposto a contribuir para que Temer assuma a Presidência. “Repete que, para ele, nem Dilma, nem Temer, e que o melhor seria mesmo haver novas eleições. No estado dele, no entanto, a maioria dos eleitores tem se manifestado a favor do impeachment”, informa O Globo.

aliel machado -

O deputado federal Aliel Machado trocou neste sábado (26) o PCdoB pela Rede, partido da Marina Silva. Aliel considera que na Rede consegue mais apoio político na disputa da prefeitura de Ponta Grossa. Na cidade, Aliel Machado pode enfrentar Marcelo Rangel (PPS), atual prefeito, e os deputados Plauto Miró (DEM), Marcio Pauliki (PDT) e Péricles de Melo (PT). Antes da Rede, Machado tentou ingressar no PDT. O PCdoB-PR perde seu único parlamentar na Câmara dos Deputados.

aliel machado1

O deputado Aliel Machado (PCdoB-PR) propôs ontem (quinta-feira, 9), na reunião com o ministro Antônio Rodrigues (Transportes) em Brasília, a prorrogação da concessão das rodovias exploradas pela Rodonorte no Paraná. Será a forma mais rápida, segundo o deputado, para viabilizar a construção, através de parceria público-privada, do Contorno Norte em Ponta Grossa. O projeto – que liga as BRs 376, 373 e 151 – está orçado em R$ 530 milhões.

A proposta foi defendida pelo líder da bancada paranaense, João Arruda (PMDB-PR). A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) foi a única a se manifestar contrária a prorrogação. O ministro Rodrigues concorda com a proposta porque afirma que não terá recursos para as obras neste ano. Foi formada uma comissão e nova reunião será realizada no ministério no próximo dia 28 às 11h.

toninho e aliel

Dois paranaenses, marinheiros de primeira viagem na Câmara, estão entre os deputados contrários à admissibilidade da proposta de reforma política. Aliel Machado (PCdoB) e Toninho Wandscheer (PT) votaram contra a iniciativa na noite de ontem. Foram minoria. A Câmara aprovou a proposta e nesta quarta-feira, 4, deve instalar uma comissão especial para discutir o tema. Além do PT e do PCdoB, PSol e PV também foram derrotados nesta votação. A PEC causou polêmica, principalmente, por dois temas: a manutenção do financiamento misto (público e privado) para campanhas eleitorais e uma cláusula de desempenho que poderia excluir do Congresso partidos menores.

Leia, aqui, mais sobre a aprovação da PEC na matéria da Agência Câmara Notícias.