Tag

comunicações

Browsing

t. traumann1

A presidente Dilma Rousseff (PT) aceitou nesta quarta-feira (25) o pedido de demissão do ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, Thomas Traumann. É o segundo ministro a deixar o governo Dilma em menos de uma semana. Traumann assumiu o cargo em janeiro de 2014. Desde 2012, porém, ele já atuava como porta-voz da presidência. Sua permanência na pasta sofreu desgaste nas últimas semanas quando um documento produzido pela Secom que avaliava erros e estratégias do governo se tornou público. Com informações do UOL.

Na quinta-feira, às 11 da manhã, o ex-ministro Paulo Bernardo, marido da senadora Gleisi Hoffmann (PT), tem um compromisso pouco aprazível. Deve comparecer a sede da Polícia Federal para depor na condição de testemunha de defesa de Ricardo Pessoa, presidente da empreiteira UTC e apontado como chefe do núcleo empresarial do Petrolão, o esquema de propina e obras superfaturadas que provocou bilhões de prejuízo na Petrobras.

Foto: Sérgio Lima – Folhapress
berzoini foto - sergio lima - folhapress

De acordo com informações da edição de hoje da Folha de S. Paulo, Ricardo Berzoini, atual ministro das Relações Institucionais, é o preferido da direção petista para substituir Paulo Bernardo no comando do Ministério das Comunicações. Para o PT, Berzoini seria o nome ideal para comandar a regulamentação da mídia.

paulo bernardo, joao arruda

Substituição na cota paranaense do alto escalão do governo de Dilma? Em Brasília, o PMDB se articula para tentar a nomeação do deputado federal reeleito João Arruda (PMDB-PR) para o Ministério do Turismo. Os peemedebistas acreditam que, se Arruda for escolhido Ministro, o sobrinho de Roberto Requião ocuparia uma lacuna deixada pelas iminentes saídas dos paranaenses Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da presidência), Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e Paulo Bernardo (Comunicações), que não continuará no ministério que comandou, entre outros motivos, por aparecer no núcleo central das investigações de desvio de dinheiro da Petrobras.