Tag

copa

Browsing

da Folha de S. Paulo:

A Justiça dos Estados Unidos acredita que o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, está envolvido no esquema de corrupção no futebol revelado na semana passada.

É o que informa o “The New York Times”. De acordo com o jornal, funcionários do governo norte-americano, falando sob condição de anonimato, apontaram o francês Valcke como o responsável pela transferência de US$ 10 milhões (cerca de R$ 32 milhões) usados para o pagamento de propinas.

dilma e blatter-1

Não teve muito legado, mas a Copa do Mundo foi extremamente lucrativa para a Fifa. De acordo com Estadão, a Fifa faturou R$ 16 bilhões com o torneio no Brasil – uma quantia que jamais conseguiu em outros eventos. Os contratos comerciais e de transmissão da Copa em 2014 renderam à entidade US$ 2 bilhões (R$ 6,4 bilhões). Em 2010, no Mundial da África do Sul, a Fifa teve arrecadação inferior: US$ 4,1 bilhões (13,3 bilhões).

atlético - mg copa do brasil

No jogo de volta da final Copa do Brasil, nesta quarta-feira à noite, no Mineirão, o Atlético Mineiro venceu o Cruzeiro por 1 a 0 e garantiu o título da Copa do Brasil. Diego Tardelli fez o gol da partida. Depois de ter vencido o jogo de ida por 2 a 0, o Galo poderia até perder por um gol de diferença que seria campeão. Esta é a primeira taça da Copa do Brasil que o Atlético Mineiro conquista e o primeiro título do curitibano Levir Culpi desde que o treinador retornou ao futebol brasileiro neste ano, após longo período no futebol japonês. Marcelo Oliveira, técnico do Cruzeiro, acumulou o terceiro vice da competição em 4 anos: além deste, em 2011 e 2012 o treinador perdeu a final da competição quando treinava o Coritiba.

torcida arena foto antonio more

Da Gazeta do Povo:

A torcida do Atlético deu o exemplo neste domingo (14), após a vitória por 2 a 0 sobre o Vitória. Com sacos de lixo, parte dos atleticanos recolheu o lixo da arquibancada da Arena da Baixada. O pioneirismo da torcida atleticana no Brasil em recolher o lixo segue o exemplo dos japoneses. Além de recolher os dejetos nas partidas da J-League, na Copa do Mundo deste ano a imagem dos nipônicos limpando os estádios após os jogos correu o mundo.

A torcida do Paraná chegou a ensaiar uma mobilização no mesmo sentido, após funcionários do clube deixarem a Vila Capanema suja, após o jogo com o Bragantino, em protesto contra atraso nos salários. Mas a ideia acabou sendo abortada, com medo de repercussão negativa na imprensa.