Tag

dia da mulher

Browsing

cida foto

Em mensagem enviada às rádios do Paraná, a vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, defendeu que o 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, seja lembrado também como uma data de combate à violência contra mulher. “Nesse momento nós também levantamos uma bandeira branca. A bandeira da paz, do amor, da união e da família. A violência doméstica compromete o futuro das nossas crianças”, disse

A vice-governadora pediu o apoio dos paranaenses que denunciem os agressores. “Eu peço a todas as famílias, a todas as pessoas que nos ouvem nesse momento para ajudar denunciando o agressor. Disque 180. Não tenha medo. A sua identidade será preservada e nós vamos estar ajudando a salvar uma vida, uma família.”

Desde o início do mês as rádios do Estado estão transmitindo mensagens e informativos com o foco no combate à violência contra a mulher. A ação é uma parceria da Aerp (Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná) com a ONG Mais Marias e tem o apoio do Governo do Estado.

normal

Já se sabia que qualquer palavra dita pela presidenta Dilma Rousseff neste momento delicado do país corria o risco de cair no vazio. Mas, o som de batidas nas panelas que se ouviu em diversos bairros de São Paulo –e em outras cidades do país, como Rio de Janeiro, Brasília e de Belo Horizonte– durante o anunciado pronunciamento em cadeia nacional pelo Dia Internacional da Mulher, na noite deste domingo, revelou o tamanho do mau humor de parte da população da cidade mais rica do país com a mandatária. Dilma apareceu em rádio e televisão exatamente para defender que o país está passando por “problemas temporários”, para alcançar “soluções permanentes”.

Em seu discurso, a presidenta defendeu que o Brasil passa por um momento diferente, “do que vivemos nos últimos anos. Mas nem de longe vivemos uma crise nas dimensões que dizem alguns. Passamos por problemas conjunturais, mas nossos fundamentos continuam sólidos”, afirmou.

“Você tem todo o direito de se irritar, e de se preocupar. Mas lhe peço paciência”.

Veja, no leia mais, o pronunciamento na íntegra.