Tag

envolvidos

Browsing

Do Painel, Folha de S. Paulo:

As críticas de Rodrigo Janot à direção da Petrobras foram recebidas tanto no Palácio do Planalto quanto no Supremo Tribunal Federal como um sinal de que ele não tarda a apresentar a lista de políticos com foro privilegiado citados na Operação Lava Jato. “Ele demonstrou que não aguenta até o Natal”, resumiu um interlocutor do Judiciário. A reação de Dilma Rousseff à mudança de tom de Janot foi de irritação. A presidente acha que ele “acusou o golpe” dos ataques da oposição.

Do Painel, Folha de S. Paulo:

Uma das mais aguardadas etapas da Operação Lava Jato depois que a apuração atingiu as empreiteiras, a lista de quantas e quais são as autoridades com foro privilegiado envolvidas no escândalo ainda vai demorar. As denúncias ao Supremo Tribunal Federal só devem ser feitas depois que todos os investigados que optarem pela delação premiada falarem. Só então o Ministério Público Federal vai fechar a relação dos políticos sobre os quais há indícios consistentes de participação.

petrobras1

O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o governador do Ceará, Cid Gomes (PROS), e os senadores Delcídio Amaral (PT-MS) e Francisco Dornelles (PP-RJ) também foram citados por Costa.

Do Estadão:

Autoridades da Polícia Federal e do Ministério Público Federal (MPF) investigam conexão entre dois escândalos: o mensalão e o “propinoduto”, segundo a revista Época desta semana. Conforme a reportagem, além da questão financeira, há personagens comuns nos dois casos, como o ex-deputado federal José Janene (morto em 2010), o doleiro Alberto Youssef e o ex-diretor da estatal petrolífera Paulo Roberto Costa.

A revista Istoé diz que mais quatro político foram citados nos depoimentos do ex-diretor Paulo Roberto Costa no acordo de delação premiada: o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o governador do Ceará, Cid Gomes (PROS), e os senadores Delcídio Amaral (PT-MS) e Francisco Dornelles (PP-RJ). A revista não apresentou o conteúdo das declarações do ex-diretor.