Tag

figueiredo basto

Browsing

delcidioamaral

Thiago Bronzatto e Talita Fernandes, Época

Os advogados do senador Delcídio do Amaral (PT-MS)protocolaram nesta terça-feira no Supremo Tribunal Federal (STF) a defesa do parlamentar, que está preso na Operação Lava Jato, contra a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF). O documento critica as acusações feitas pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede que seja anulada a gravação ambiental de diálogos do petista e ainda contesta a forma como foi aprovado o acordo de delação premiada de Nestor Cerveró, ex-diretor internacional da Petrobras.

FB - youssef

O advogado do doleiro Alberto Youssef, Antônio Figueiredo Basto, negou que seu cliente tenha omitido o tamanho real de seu patrimônio à Justiça Federal. A acusação foi feita pelo empresário Leonardo Meirelles, que foi sócio de Youssef. Segundo ele, o doleiro tinha patrimônio muito superior aos R$ 50 milhões que diz ter. “É mentira, mentira”, disse Basto. “(Meirelles) Não indicou patrimônio, não indicou nada. É um mentiroso.”. As informações são da Folha de S. Paulo.

figueiredo basto --

O advogado de Alberto Youssef, Antônio Figueiredo Basto, disse ontem que ficou satisfeito com a homologação do acordo de delação premiada de seu cliente, que estabeleceu pena máxima de 5 anos em regime fechado. O doleiro responde a cerca de 30 ações. Se fosse condenado a 8 anos de prisão em cada uma, sua pena seria de 240 anos, segundo o advogado.”Foi bastante razoável, pois ele vai de 3 a 5 anos. Acredito que os 5 anos estão descartados, será no máximo 3. Mas ainda trabalho para isso ser menor, para haver perdão judicial”, disse Basto. Segundo ele, outro ponto positivo foi o fato de o acordo abarcar todas as ações relativas ao doleiro, inclusive as do caso Banestado –escândalo de evasão de divisas nos anos 90.

figueiredo basto - pf

O advogado do doleiro Alberto Youssef, Antônio Figueiredo Basto, disse nesta segunda-feira (12) que seu cliente não tem “negócios” com o senador eleito Antonio Anastasia (PSDB-MG) e nem com o líder do PMDB, deputado Eduardo Cunha (RJ), que é candidato à presidência da Câmara. De acordo com ele, estão acontecendo vazamentos “frutos de interesses políticos para tumultuar investigações”, por isso, ele irá protocolar na Justiça uma petição dizendo que Youssef não determinou remessas de dinheiro para os dois. As informações são da Folha de S. Paulo.

advogadoyoussefinterna
Advogado argumenta que a colaboração do doleiro foi fundamental para as investigações da Lava-Jato

Apontado como chefe de um esquema que teria desviado mais de R$ 89 bilhões da Petrobras desde 2010, o doleiro Alberto Youssef não passaria de “meramente uma engrenagem”, segundo seu advogado de defesa, Antônio Figueiredo Basto.

— Ele não era um agente político, não tinha poder para indicar ninguém nas estatais. Ele não tinha como comandar um esquema de tamanha envergadura — disse Basto, em Curitiba, depois de acompanhar mais um depoimento de seu cliente no processo de delação premiada.