Tag

hospitais

Browsing

foto_carlos ohara

Carlos Ohara, Gazeta do Povo

Uma operação coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) cumpre 56 mandados de busca e apreensão, dois mandados de prisão preventiva e dois mandados de condução coercitiva em 35 municípios que integram a base do núcleo regional de Maringá, comandado pelo promotor Laércio Januário de Almeida.

Deflagrada na manhã desta segunda-feira (30), a ”Operação Cilindros” está sendo desenvolvida por 120 policiais civis e militares, 10 delegados e 20 promotores. O objetivo é a localização de cilindros de oxigênio medicinal – utilizado em instituições de saúde e unidades de terapia intensiva – adulterados, com conteúdo fraudado, apreensões de documentos e cópias de licitações para compra do produto. O alvo do Gaeco são empresas distribuidoras do produto, hospitais e órgãos municipais. Somente na região de Maringá, 10 empresas estão sendo alvo da operação.

fruet repasse

Os hospitais Universitários Cajuru, a Santa Casa, Pequeno Príncipe e Erasto Gaertner acusam a Prefeitura de Curitiba de atrasar repasses do SUS. Segundo a assessoria dos hospitais, o repasse de recursos federais no valor de R$ 43,8 milhões não foi feito no dia 16 de outubro e o prefeito Gustavo Fruet (PDT) alega não ter o dinheiro.

A diretora do Hospital Cajuru Simone Simioli afirma que “a Secretaria Municipal de Saúde recebeu o dinheiro do governo federal, parcela única de R$ 5 milhões, e não repassou aos hospitais. A alegação da secretaria é que eles não têm dinheiro, mas o recurso vem do Fundo Nacional da Saúde e já foi repassado a secretaria”.

requiao hospitais

A Gazeta do Povo, na edição deste sábado (13), desmascarou mais uma série de mentiras do senador Roberto Requião (PMDB) sobre a propalada construção de 13 hospitais em duas passagens (2003-2010) pelo Governo do Paraná. “Requião não ‘construiu 13 hospitais do zero’, ao contrário do que tem divulgado”, diz a matéria do jornal de Carlos Guimarães Filho. “Na lista de 13 hospitais construídos divulgada por Requião consta uma unidade que não existe, outra inoperante até hoje, três municipais que o governo estadual ajudou com empréstimos e duas novas alas em espaços médicos que já existiam. Apenas seis hospitais foram realmente erguidos da estaca zero”, diz a reportagem.

Beto Richa saúde

O governo do Estado começou a entregar nesta segunda-feira os equipamentos hospitalares adquiridos com recursos oriundos de emendas dos parlamentares ao orçamento de 2012.

O secretário estadual de Saúde, Michele Caputo Neto, e o deputado Ney Leprevost que todos os anos direciona 90% das suas emendas para a saúde, fizeram a entrega de 30 camas hospitalares elétricas ao Hospital de Clínicas, a Santa Casa de Misericórdia, ao Hospital Erasto Geaertner, ao Hospital Cajuru, a Cruz Vermelha Paranaense, ao Hospital Bom Retiro e ao Hospital do Trabalhador.