Tag

Itaipu

Browsing

Em discurso, ele agradeceu ao presidente Bolsonaro pela nomeação e desejou votos de “suerte” a seu sucessor, o colega de turma e amigo general João Francisco Ferreira.

Em discurso de despedida do cargo de diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, o general Joaquim Silva e Luna, aplaudido de pé por várias vezes, fez um rápido balanço da gestão, nesta quarta-feira, 7, e contou que a economia de recursos com as ações de austeridade adotadas foi “devolvida aos consumidores brasileiros” na forma de “legados inquestionáveis”, por orientação do presidente Jair Bolsonaro. Como não houve consenso binacional para reduzir a tarifa de Itaipu, explicou, a empresa alinhou ações com os governos federal, estadual e municipais, para investir em obras de infraestrutura, saneamento e segurança pública.

itaipu

Band News – Curitiba

A usina de Itaipu bateu recorde de produção em janeiro. Chuvas trazidas pelo fenômeno El Niño contribuíram significativamente para a expectativa hídrica. A maior produtora de emergia do mundo produziu no mês passado quase 8,5 milhões megawatts-hora.

A quantidade de energia gerada pela binacional nos 31 primeiros dias do ano foi maior até mesmo em relação ao idêntico período de 2013, quando a empresa bateu, pela segunda vez consecutiva, o recorde mundial de produção anual, com 98,6 milhões de megawatts.

requiao e paulo bernardo

O novo loteamento dos cargos na Itaipu Binacional faz parte do acordo entre os senadores Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião(PMDB) para as eleições de 2018. Com Paulo Bernardo na presidência da binacional, seu grupo dá como certa a reeleição de Gleisi ao Senado numa dobrada com Requião para governo do Estado.

Na Itaipu, os outros cargos podem ficar com o ex-deputado Elton Welter (PT) na Diretoria de Coordenação no lugar Nelton Friedrich (PV), o advogado Luiz Fernando Delazari (PMDB) no Jurídico, Cristina Gomyde (PCdoB) na Administração e a ex-deputada Luciana Rafagnin (PT) na Coordenação de Políticas para Mulheres. Mauricio Requião (PMDB), irmão do senador, já está no conselho de administração da binacional.

Jorge Samek (PT) pode escolher entre o comando do Instituto Lula – o ex-presidente pode assumir o comando do PT ou vaga no ministério de Dilma – ou a disputa da prefeitura de Foz do Iguaçu, como quer o casal Bernardo/Gleisi.

samek3122

Segundo o Balanço Energético Nacional de 2014, a contribuição da energia hidráulica na matriz energética brasileira é de aproximadamente 71%. Além de ser limpa e renovável, a fonte se destaca pelo baixo custo, o alto rendimento e o aproveitamento da grande disponibilidade de recursos hídricos no Brasil.

Em entrevista à Web Rádio Água, o presidente da Itaipu Binacional, Jorge Samek, destacou a expansão das usinas hidrelétricas aproveitando um enorme potencial existente no País, sobretudo na região Norte.

A derrota acachapante do PMDB e do PT deixou uma penca gráuda de políticos derrotados, assessores e quetais sem sinecura. Agora, as duas bandas se uniram para brigar por cargos federais no Paraná.

Em ofício enviado ao vice-presidente da República, Michel Temer, os deputados federais João Arruda (PMDB) e Ênio Verri (PT) e os senadores Roberto Requião (PMDB) e Gleisi Hoffmann (PT) indicaram nomes para ocupar 16 cargos federais em Itaipu e em sete ministérios.

Até agora, Maurício Requião, irmão do senador Requião conseguiu uma teta das boas. Ele ocupa desde o início do mês uma vaga no Conselho Administrativo de Itaipu, com salário mensal de R$ 20,8 mil.

De resto, há muitos nomes que não passariam em nenhum crivo de boa administração. É o caso de André Xacharow, derrotado que quer ocupar, nada mais, nada menos, que a presidência da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Ele responde a processo cabeludo no STFn por fraude com dinheiro público na Sociedade Beneficente Evangélica, que administra o Hospital Evangélico de Curitiba.

unnamed

Sem desistir de uma vaga de conselheiro do Tribunal de Contas, o psicólogo Maurício Requião, irmão do senador Roberto Requião, do PMDB, ganhou premio consolação. A presidente Dilma Rousseff (PT) o nomeou conselheiro da Itaipu Binacional até 16 de maio de 2016. A nomeação foi publicada no diário oficial da União desta terça-feira, 2.

O salário é de R$ 25 mil mensais e o trabalho: participar das reuniões do conselho administrativo da Itaipu Binacional, uma vez por mês em Foz do Iguaçu. As despesas de viagens, estadia e alimentação são custeadas pela binacional. Maurício Requião vai ocupar a vaga de Moisés Pessuti, filho do ex-governador Orlando Pessuti (PMDB), exonerado por Dilma.

A presidente também nomeou Roberto Amaral (PSB), ex-ministro de Ciências e Tecnologia no governo Lula e “pai da bomba atômica brasileira”. Amaral, na última eleição, tentou levar seu seu partido, em vão, a apoiar Dilma nos primeiro e segundo turnos. No mesmo ato, Dilma exonerou Luiz Pinguelli Rosa, ex-presidente da Eletrobras e especialista em energia elétrica.

samek1

O presidente da Itaipu Binacional, Jorge Samek, foi escolhido, pela revista Forbes Brasil uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil, em 2015. Na edição de fevereiro, Samek figura ao lado de líderes como o ministro da Fazenda, Joaquim Levy; o presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto; o presidente do Banco Itaú Unibanco, Roberto Setúbal, entre outros.

forbes - brasil

itaipu2

Explicação para a discrepância entre oferta e preço no estado está na integração do sistema elétrico brasileiro.

de Fernando Jasper, Gazeta do Povo:

O Paraná é o maior gerador de energia do país. Mesmo assim, as tarifas cobradas pela Copel Distribuição tiveram o segundo maior aumento – considerando-se apenas as grandes concessionárias – no reajuste extraordinário que entrou em vigor na segunda-feira (02).

O preço da energia para o consumidor paranaense subiu, em média, 36,8%. Entre as principais companhias, apenas a AES Sul, que atende parte do Rio Grande do Sul, teve reajuste maior (39,5%).