Tag

joão arruda

Browsing

joao-arruda1603a

O deputado federal João Arruda, secretário-geral do PMDB do Paraná, não deixa por menos. Denunciou “um plano sórdido para vender o partido ao prefeito Gustavo Fruet (PDT) na eleição de 2016.” Os maus bofes de Arruda foram provocados pela aproximação do deputado estadual Anibelli Neto à caterva de Gustavo Fruet. Tão escancarada a manobra que Anibelli compareceu à convenção do PDT com ares de aliado de Fruet. O que pretende Anibelli? Segundo João Arruda, quer ser vice de Fruet e para isso precisa solapar a candidatura própria de Maurício Requião Filho.

“O PMDB não vai abrir mão de lançar candidato em Curitiba pra negociar meia dúzia de cargos com o Fruet”, reagiu João Arruda.

do Celso Nascimento

O ex-governador Orlando Pessuti arrumou o que fazer nos próximos três meses: “Vou me dedicar a construir a derrota do Requião”, revelou ele ontem à coluna. “Acabei de sair de uma cirurgia para corrigir um descolamento da retina do olho esquerdo, mas nunca perdi a visão de futuro”, completou com uma revelação: “Se meu grupo não tirar de Requião o domínio do PMDB, vou aproveitar os três meses seguintes, de janeiro a março, para buscar um outro partido e me lançar candidato a prefeito de Curitiba”.

chioro1

O deputado federal João Arruda (PMDB), coordenador da bancada paranaense no Congresso Nacional, apresentou hoje (quinta-feira, 23) requerimento na Comissão de Fiscalização convocando o ministro da Saúde, Arthur Chioro, para prestar esclarecimentos das dívidas da União com o Paraná no âmbito da saúde. O requerimento será votado na reunião da comissão na semana que vem. As dívidas da União com o Estado estão na casa dos R$ 520 milhões e não incluem os restos à pagar.

bancada1

Ontem à tarde na Câmara dos Deputados em Brasília, os secretários Silvio Barros (Planejamento), Mauro Ricardo (Fazenda), Eduardo Sciarra (Casa Civil), mais Mounir Chaowiche (Sanepar) e Luiz Fernando Vianna (Copel) se reuniram com o líder da bancada paranaense no Congresso Nacional, deputado João Arruda (PMDB), e os parlamentares do Estado. Na pauta, a situação econômica do Paraná, os ajustes propostos pelo governo, os projetos e empréstimos que dependem de aval e recursos do governo federal, as dívidas da União com a saúde estadual (R$ 540 milhões) e com os municípios paranaenses (R$ 1 bilhão) e novo indexador das dívidas dos estados e municípios.

sergiomoro j

de Leonel Rocha, Época:

Os deputados José Priante (PMDB-PA) e João Arruda (PMDB-PR) aprovaram requerimento na comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizado para convidar o juiz federal Sérgio Moro para audiência pública a ser marcada com o objetivo de debater a morosidade do processo penal e a impunidade em razão deste atraso. Se aceitar o convite, Moro será questionado pelos deputados sobre a Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que flagrou vários políticos envolvidos com doleiros e a corrupção na Petrobrás e empreiteiras que prestavam serviço à estatal.

unnamed

Eleito coordenador da bancada do Paraná em Brasília, o deputado federal João Arruda (PMDB) promete deixar as divergências políticas de lado para trabalhar em favor do Estado. “A gente agora tem de descer do palanque e se preocupar em priorizar a gestão. Vejo que ele (Beto Richa) enfrenta dificuldades. Mas nós não torcemos contra o estado do Paraná. Cada um tem a sua responsabilidade”, disse à Folha de Londrina.

Foto: Roberto Dziura Jr joao arruda -Roberto Dziura Jr

de André Gonçalves, Gazeta do Povo:

Adversário político do governador Beto Richa (PSDB), o deputado federal João Arruda (PMDB) foi eleito nesta quarta-feira (25) à noite coordenador da bancada federal do Paraná. Arruda disputou o cargo contra o também deputado Ricardo Barros (PP), que foi secretário de Indústria e Comércio na primeira gestão Richa e é marido da vice-governadora, Cida Borghetti (Pros). Barros retirou a candidatura quando a votação havia começado.

images

Os deputados federais Ricardo Barros (PP) e João Arruda (PMDB) disputam a coordenação da bancada paranaense no Congresso. A escolha do novo ocupante do cargo deve ocorrer nos próximos dias e existe a possibilidade de uma disputa eleitoral entre os dois. Informações da Gazeta do Povo.

O confronto contrapõe um nome mais ligado ao governador Beto Richa (PSDB), Barros, e outro vinculado ao senador Roberto Requião (PMDB), Arruda. Ambos dizem que estão negociando para chegar a um acordo e evitar a votação, que envolveria os 30 deputados federais e três senadores do Paraná.