Tag

liderança

Browsing

gleisi - agencia senado

No turbilhão que arrasta petistas, cada vez mais perto do ex-presidente Lula e da presidente Dilma Rousseff, nas prisões efetuadas pela Lava Jato, mais um lance da ‘real politik’ rolou soltou nas últimas horas entre as lideranças do petismo em Brasília. A senadora Gleisi Hoffmann preterida por Dilma que indicou Delcídio Amaral (PT-MS) para liderança do Governo no Senado no início do ano, agora com a prisão do senador, se colocou à disposição do governo e avisou a Casa Civil. Gleisi avaliou que, até por falta de opção, tem o perfil para a função. Errou de novo.

O Planalto não fez prosperar a articulação da petista e indicou o senador José Pimentel (PT-CE), que já ocupa a liderança do Governo no Congresso, para o posto. Outro petista que se articula para a função é Humberto Costa (PE), atual líder do PT na Câmara Alta. Contra Gleisi e Costa pesam as denúncias e investigações da Lava Jato. Os dois respondem por inquérito no STF. Gleisi também é investigada por força-tarefa da PF e MPF em São Paulo acusada, junto com marido Paulo Bernardo, por desvios no Ministério do Planejamento.

images

Os deputados federais Ricardo Barros (PP) e João Arruda (PMDB) disputam a coordenação da bancada paranaense no Congresso. A escolha do novo ocupante do cargo deve ocorrer nos próximos dias e existe a possibilidade de uma disputa eleitoral entre os dois. Informações da Gazeta do Povo.

O confronto contrapõe um nome mais ligado ao governador Beto Richa (PSDB), Barros, e outro vinculado ao senador Roberto Requião (PMDB), Arruda. Ambos dizem que estão negociando para chegar a um acordo e evitar a votação, que envolveria os 30 deputados federais e três senadores do Paraná.

unnamed
O líder do governo, Ademar Traiano (PSDB), afirmou hoje, na primeira reunião do secretariado de Beto Richa (PSDB), que a Assembleia continuará dando todo o suporte necessário na votação de projetos do Executivo para adequar o Paraná à nova realidade econômica.

Para descontrair um pouco a detalhada discussão do plano de gestão, o deputado assegurou que a tarefa de aprovar as mensagens de Beto Richa terá continuidade com o novo líder do governo, Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), que comanda a bancada a partir de fevereiro.

gleisi - pt

Aloísio Mercadante (Casa Civil) já avisou Gleisi Hoffmann (PT) que ela não vai ocupar a liderança do Governo no Senado. O cargo está com Humberto Costa (PT-PE) que o acumula com a liderança do PT. Se Costa não se mantiver no posto, a preferência é dos peemedebista Romero Juca (RR) e Eunício de Oliviera (CE). Gleisi deve ficar fora ainda da liderança petista da Casa. Seu nome envolvido na lista de denunciados do Petrolão, na avaliação do Planalto, pesou contra à sua indicação nas lideranças.

gleisi - senado

Informa a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, que o PT do Senado deve reconduzir Humberto Costa (PE) à liderança da sigla. Com a chegada de oposicionistas de peso à Casa, a avaliação é que será necessário um líder experiente.

Não fosse isso, os demais candidatos ao posto, Gleisi Hoffmann, Delcídio Amaral e Lindbergh Farias, vêm de derrotas nas eleições para o governo de seus Estados.

aécio istoé sensus

Da IstoÉ:

Pesquisa ISTOÉ/Sensus realizada a partir da terça-feira 21 reafirma a liderança de Aécio Neves (PSDB) sobre a petista Dilma Rousseff nos últimos dias da disputa pela sucessão presidencial. Segundo o levantamento que entrevistou 2 mil eleitores de 24 Estados, o tucano soma 54,6% dos votos válidos, contra 45,4% obtidos pela presidenta Dilma Rousseff.

Uma diferença de 9,2 pontos percentuais, o que equivale a aproximadamente 12,8 milhões de votos. A pesquisa também constatou que a dois dias das eleições 11,9% do eleitorado ainda não decidiu em quem votar. “Como no primeiro turno, deverá haver uma grande movimentação do eleitor no próprio dia da votação”, afirma Ricardo Guedes, diretor do Instituto Sensus. Se for considerado o número total de votos, a pesquisa indica que Aécio conta com o apoio de 48,1% do eleitorado e a candidata do PT 40%.

PESQUISA ISTOÉ/Sensus

Realização – Sensus
Registro na Justiça Eleitoral – BR-01166/2014
Entrevistas – 2.000, em cinco regiões, 24 estados e 136 municípios do País
Metodologia – Cotas para sexo, idade, escolaridade, renda e urbano e rural
Campo – De 21 a 24 de outubro
Margem de erro – +/- 2,2%
Confiança – 95%