Tag

marqueteiro

Browsing

joao-santana

O marqueteiro do PT, João Santana, será interrogado pelo juiz Sérgio Moro na próxima quinta-feira, 28. Ele é réu de uma ação penal decorrente da 23ª fase da operação Lava Jato. As informações são de Tabata Viapiana na CBN Curitiba.

Os seis réus do processo serão ouvidos nesta semana pelo juiz Sérgio Moro – entre eles, o casal de publicitários João Santana e Mônica Moura. A primeira audiência será amanhã, com interrogatório de dois acusados que são delatores da Lava Jato: o ex-presidente da Sete Brasil, João Ferraz, e o ex-gerente da Petrobras, Eduardo Musa.

do Lauro Jardim:

João Santana é, até segunda ordem, o marqueteiro inconteste do PT (e do governo). Está escalado, é claro, para fazer o próximo programa do PT, que irá ao ar na quinta-feira que vem. Mas Lula não tem fechado os ouvidos para ouvir novas ideias.

Meses atrás, Renato Pereira teve uma longa e reservada conversa com o ex-presidente no Instituto Lula.

O marqueteiro, que já fez campanhas para Sergio Cabral, Luiz Fernando Pezão, Eduardo Paes, Henrique Caprilles e chegou a trabalhar alguns meses para Aécio Neves, foi levado por Clara Ant, uma das mais próximas assessoras de Lula.

dilma edinho1

do Claudio Humberto:

O ministro Edinho Silva (Comunicação Social) deu a ordem às agências de propaganda a serviço do governo para bancar um esquema paralelo para atuar nas redes sociais e fornecer ideias de factóides para tentar salvar a imagem deteriorada da presidente Dilma. A “força tarefa” já começou a funcionar em dois andares (ou “pétalas”) do Edifício Varig, um dos mais caros da região central de Brasília.

A “frente de marqueteiros” já desenvolve campanhas, peças, vídeos e textos para a “nova Dilma”. Nós pagamos a conta. Agências de comunicação como a Click/Isobar e Agência 3 colocaram à disposição espaços para a “força tarefa” de salvamento de Dilma. Sites oficiais do governo, como o Portal Brasil, devem se concentrar em materiais específicos para internet, como vídeos curtos e “memes”.

O pessoal de alto coturno prepara a reação do governo Beto Richa, que não continuará como alvo imóvel diante das críticas, denúncias e manifestações que gestaram a crise política e institucional aprofundada desde o confronto entre professores e a polícia como resultado da reação dos servidores ao programa de ajuste fiscal e reforma da Previdência.

Um comitê de crise foi organizado com profissionais experimentados. Sob a coordenação geral de Jackson Carvalho Leite, presidente da CELEPAR, contará com a expertise de Sergio Kobayashi, presidente da Rádio e TV Educativa; do advogado e professor Fábio Losso, que entra com a experiência internacional na área; e com o trabalho de profissionais com longo currículo na administração de situações críticas. Destaque para o marqueteiro Paulo de Tarso, que administrou com sucesso a crise vivida por outro tucano, o governador Marcone Perilo, de Goiás.

As primeiras reuniões do grupo-tarefa são realizadas no Centro Integrado de Informação e Estratégia – CIIE, da Celepar, na Sala de Situação.

joao santana - pt

Do Lauro Jardim:

Dilma Rousseff tende, neste segundo mandato, a ficar menos devedora do PT e de Lula. Devedora, se tivesse que ser, seria de João Santana, um vitorioso incontestável desta eleição.

Santana soube desconstruir adversários – como ninguém, aliás. Mas também soube construir.

Num país com a economia estagnada, com indicadores preocupantes para 2015, com a crise energética batendo as portas, Santana conseguiu um milagre.

De acordo com o Datafolha de quarta-feira passada, o otimismo do brasileiro com a economia voltou aos índices de 2007.

Esse, sim, é o santo milagreiro da campanha petista.