Tag

mulher

Browsing

Lauro Jardim, O Globo

Presa desde o dia 22, Mônica Moura, mulher de João Santana, iniciou negociações com os procuradores em Curitiba para uma delação premiada.

Se fechar, será uma delação explosiva. Mônica poderá falar exatamente de caixa dois em campanhas — o que será matador para a chapa Dilma/Temer; além de pegar também Fernando Haddad, para quem a dupla Mônica e João fez campanha em 2012.

O advogado de Mônica, Fabio Tofic, nega que essas tratativas estejam acontecendo.

Foto: Pedro Oliveira/ ALEP maria vitoria - alep

Foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (03), projeto de autoria da Deputada Maria Victória (PP) que institui nas escolas estaduais do Paraná a “Semana Estadual Maria da Penha”. Segundo o projeto, no mês de março de cada ano, serão realizadas atividades nos colégios estaduais com o objetivo de explicar aos alunos sobre a Lei Maria da Penha, que criminaliza e pune atos de violência contra a mulher. A ideia é estimular reflexões contra atos de violência e também conscientizar a comunidade escolar sobre a importância do respeito aos direitos humanos.

“Trata-se de uma medida preventiva de conscientização a partir de um trabalho educacional de humanização, respeito e informação, para que a violência contra a mulher não ocorra e, caso aconteça, seja denunciada e repreendida”, disse Maria Victória.

O projeto segue agora para as demais comissões permanentes da Assembleia antes de seguir ao plenário para votação.

Do Boca Maldita

É história digna de conto do Dalton. Senhora ilustre e de rara inteligência pegou o celular do seu gajo e descobriu a vida (ou tentativa de) sexual do atleta. Irada, levou o celular com denúncia ao Ministério Público, pois o aparelho é de propriedade do governo estadual, serve a um secretário e não pode ser usado para cantar as outras, inclusive as casadas. O gajo ficou aflito e de quatro dedos no ar, uiva contra a agora ex.

— Sou teu caboclo, dizia para as moças. Acaboclou-se

Foto: Sergio Moraes/ Reuters aécio - foto sergio moraes reuters

Do Globo:

Assediado por uma multidão de mineiros da capital e interior, o candidato do PSDB à presidência da república, Aécio Neves, votou por volta das 10h20m deste domingo, no Colégio estadual central Milton Campos. Cercado por jornalistas, cinegrafistas e simpatizantes, Aécio e a esposa, Letícia Weber, tiveram dificuldade para chegar até a urna de votação. Vidraças da seção foram quebradas pelos cinegrafistas, que trocaram cotoveladas para registrar o voto.

Muitos eleitores saudaram e tirar fotos com o candidato. “Brasil, pra frente, Aécio presidente”, gritava a multidão

fernanda richa - comunidade cristã

“Quero agradecer imensamente o título Mulher Cidadã que o Diretório da Mulher do Ministério da Comunhão Cristã, me concedeu nesta tarde. Essa homenagem me enche de orgulho e me motiva ainda mais a seguir trilhando esse caminho que escolhi, que é trabalhar para o bem de todos os paranaenses”, disse Fernanda Richa nesta quinta-feira (23) ao ser homenageada pela comunidade cristã Abba de Curitiba.

mulhercai - g1

Do G1:

Uma mulher caiu ao escorregar em santinhos espalhados nas proximidades do Colégio Estadual Leôncio Correia, no bairro Bacacheri, em Curitiba, neste domingo (5). O acidente aconteceu quando ela chegava ao local para votar. De acordo com universitária Nathali Costa Nascimento, que é filha da mulher, ela chegou a desmaiar após o ocorrido.

“Estávamos vindo para votar, e ela escorregou nos papeizinhos de candidatos e caiu. Logo em seguida, inchou o pulso dela. Deu tempo de entrar no colégio e, logo depois, ela teve um desmaio, queda de pressão”, disse. A mulher foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Do G1 PR:

Uma mulher de 57 anos foi resgatada de uma área de lodo no Parque Barigui, em Curitiba, por volta das 19h de quinta-feira (1º). O diretor da Guarda Municipal (GM), Cláudio Frederico, disse ao G1 que a vítima entrou no local, que fica atrás do restaurante do parque, após sofrer um “ataque psiquiátrico”. O resgate foi feito pelo Corpo de Bombeiros e durou aproximadamente duas horas. A mulher não ficou ferida.