Tag

rio

Browsing

tania-rego-ag-brasil

Lauro Jardim

Dois cointeinêres com equipamentos de transmissão de TV da Olimpíada foram roubados esta manhã no Rio de Janeiro.

Os equipamentos eram de duas emissoras alemãs, a ARD e a GDF. Os equipamentos serviriam para montar os estúdios, localizados no Parque Olímpico.

Sem escolta, uma carreta com os dois contêineres, de um total de oito, foi abordada por ladrões na Avenida Brasil, na altura do Mercado de São Sebastião. Ia em direção ao Parque Olímpico, na Barra da Tijuca.

Os ladrões obrigaram o motorista a desviar do caminho e o material roubado foi levado a um galpão, perto dali.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro está investigando o caso em sigilo.

(Atualização, às 14h02: a carreta já foi encontrada. Os contêineres ainda não)

pt - rj

de Juliana Castro e Marcelo Remigio, O Globo:

Horas depois de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fazer um discurso no Rio de Janeiro pedindo que os petistas não fujam do embate com a oposição mesmo que para isso tenham que recorrer à briga, o presidente do PT fluminense, Washington Quaquá, seguiu a mesma linha, defendendo publicamente “a porrada”. Em seu perfil no Facebook, o petista que também é prefeito de Maricá convocou a militância a “pagar com a mesma moeda” dos “burguesinhos” qualquer ataque que sofrer. “Agrediu, devolvemos dando porrada!”, propôs.

Do Painel, Folha de S. Paulo:

A campanha de Dilma Rousseff se assustou ao vê-la empatada com Aécio Neves no Rio de Janeiro, terceiro maior colégio eleitoral do país. A presidente passará três dias no Estado na última semana da eleição, em esforço para tentar recuperar a vantagem histórica do PT em território fluminense. O foco da ofensiva serão os 31% de eleitores que votaram em Marina Silva no primeiro turno. Dilma venceu com 35%, mas teve o pior desempenho de um petista no Estado em duas décadas.

dilma pressão debate2

Do Globo:

A presidente Dilma Rousseff, candidata do PT à reeleição, cancelou as agendas que faria neste sábado no Rio de Janeiro. Por orientação médica, a petista vai descansar durante o fim de semana e se preparar para o debate à noite da TV Record. Dilma tinha compromissos com os candidatos ao governo Luiz Fernando Pezão (PMDB) e Marcelo Crivella (PRB), que fazem parte de sua base aliada. A presidente transferiu os encontros com os aliados para segunda e quarta-feira.

A nova programação de Dilma no Rio foi definida na manhã desta sexta-feira durante um encontro de petistas fluminenses com a coordenação nacional da campanha da presidente, no Sindicato dos Bancários, no Centro.

– Foi cancelado, por orientação médica, para ela repousar no sábado e também para se preparar para o debate de domingo. Mas o (vice-presidente) Michel Temer estará, no sábado, na Portela com um ministro, provavelmente com o (Aloízio) Mercadante (Casa Civil) – disse Jorge Florêncio, um dos coordenadores estaduais da campanha de Dilma no Rio e que esteve na reunião à tarde.

À noite, depois de conversar com assessores do Comitê Nacional de Campanha de Dilma, Florêncio disse ao GLOBO que houve um “mal entendido”:

– Eu ratifico. Houve um mal entendido. (O cancelamento) Foi apenas para ela descansar.

Do Globo:

Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira em quatro estados verificou as intenções de voto para a disputa presidencial. O instituto aproveitou o levantamento feito para verificar a corrida eleitoral pelos governos do Rio, do Distrito Federal, do Rio Grande do Sul e do Ceará para aferir como os eleitores locais pretendem votar ao Palácio do Planalto. Rio e Rio Grande do Sul, terceiro e quinto maiores colégios eleitorais do país, respectivamente, mostraram disputa acirrada entre Dilma e Aécio. A petista aparece com 51% das intenções de voto, contra 49% do tucano entre os fluminenses, e com 49% a 51% entre os gaúchos. Ou seja, em empate técnico nos dois estados – a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Os números se referem aos votos válidos, excluindo-se do cálculo os votos em branco, nulos e os indecisos, mesmo método utilizado pela Justiça Eleitoral na divulgação do resultado oficial da eleição.

paciente - ebola

Do Globo:

O Ministério da Saúde informou na manhã deste sábado que o paciente Souleymane Bah, recém chegado da Guiné, não está com ebola, como autoridades sanitárias chegaram a suspeitar. Os exames, que deram resultado negativo, foram feitos pelo Instituto Evandro Chagas, em Belém, referência número um no assunto no país. O instituto terá ainda que fazer uma novo teste em 48 horas como determina o protocolo médico nesse caso. Mas as chances de um resultado diferente são consideradas remotas.

Segundo a pasta, o paciente seguirá internado no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI), da Fiocruz, até que o resultado do segundo exame seja divulgado.