Tag

secretaria

Browsing

fernanda richa - conferência

O Paraná vai ampliar os recursos do Fundo Estadual para a Infância e Adolescência, adiantou nesta terça-feira, 17, em Curitiba, a secretária Fernanda Richa (Trabalho e Desenvolvimento Social) na abertura da IX conferência estadual dos direitos da criança e do adolescente. Segundo Fernanda, o governador Beto Richa assina amanhã (quinta-feira, 19) decreto que determina que todas as empresas estatais do Paraná devem destinar 1% do valor de devido ao imposto de renda ao fundo da criança e ao fundo dos direitos do idoso.

mauro ricardo - foto Julio Cesar Costa_SEFA

Em entrevista ao jornal Metro/Curitiba desta segunda-feira, 26, o secretário Mauro Ricardo Costa (Fazenda) diz que a situação do Paraná relação a União e outros estados é completamente diferente com um superávit de R$ 2 bilhões. “Ele está sendo usado para pagamento de compromissos anteriores e na formação de lastro para o pagamento do 13º salário”.

Mauro Ricardo diz ainda que não haverá mais nenhuma medida para aumento de imposto. “Temos um programa de parcelamento (de impostos) que se encerra em 30 de outubro da ordem de R$ 1,6 bilhão”.

E prevê um investimento de R$ 6,8 bilhões para 2016. “Temos um orçamento de R$ 54,5 bilhões com investimos na ordem de 6,8 bilhões no ano que vem. Esse ano foi de ajuste fiscal, ano que vem será um ano de investimento”. Leia a seguir a íntegra da entrevista.

da Gazeta do Povo

O Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce) realiza desde o início da manhã desta terça-feira (22) a 2.ª etapa da Operação “Quadro Negro”, que investiga o desvio de recursos públicos da Secretaria de Estado da Educação (Seed) por meio de contratos com empresas para construção de escolas. A operação está sendo realizada em quatro estados: além do Paraná, Santa Catarina, São Paulo e Bahia.

Serão cumpridos 11 mandados de busca e apreensão, segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp). Entre as cidades que terão o cumprimento dos mandados estão Curitiba, São Paulo, Florianópolis e Balneário Camboriú. No final da manhã de hoje, o Nurce deve ter um balanço das operações.

Segundo as investigações, o esquema funcionava a partir da fraude de relatórios produzidos por engenheiros subordinados ao chefe de fiscalização e obras da Secretaria de Educação.

cida e ana seres - brasilia

A vice-governadora Cida Borghetti e a secretária de Estado da Educação, professora Ana Seres, estiveram em Brasília nesta terça-feira (21) para tratar diversos assuntos de interesse do Paraná com representantes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, o FNDE. “Foi uma reunião muito proveitosa, discutimos vários temas que estavam pendentes, inclusive a liberação de recursos”, disse a secretária.

foto-bandab 21.07

da Banda B:

Policiais do Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce), com o apoio do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), cumpriram na manhã desta terça-feira (21) cinco mandados de prisão e nove de busca e apreensão em operação contra desvio de recursos públicos da Secretaria de Estado da Educação (Seed). Entre os presos está Maurício Fanini, que foi diretor de Engenharia, Projetos e Orçamentos da Seed entre 2011 e 2014. O desvio, segundo a investigação, acontecia por meio de contratos de empresas de construção com escolas estaduais.

app - bloqueio fazenda

A APP-Sindicato está afrontando a decisão do juiz Mário Dittrich Bilieri, do Tribunal de Justiça, que determinou que os manifestantes ligados ao sindicato desobstruam o acesso ao prédio onde funciona a Secretária da Fazenda e a Fomento Paraná. De posse de uma lista, a APP só libera a entrada para 12 funcionários da Paraná Fomento. Os funcionários da Secretaria da Fazenda, que ocupam o mesmo prédio, estão impedidos de trabalhar. A afronta da APP pode causar prejuízos a todos os servidores estaduais. A Fazenda, por exemplo, está impedida de fechar a folha de pagamento referente ao mês de maio. Conforme a determinação do juiz, a multa pelo bloqueio é de R$ 20 mil por hora.

ana seres333

Ana Seres (Educação) recebe agora a direção da APP–Sindicato e vai pedir para a volta dos professores às salas de aula. A secretária encaminhou ao governo pedido de suspensão dos descontos das faltas nos salários no contracheque referente ao mês do maio e que eles sejam discutidos a partir da folha de junho.

“Quero contar com a confiança de todos os professores, funcionários, alunos e pais do Paraná. Vamos trabalhar com integração e diálogo para mostrar que é possível executar um ensino de qualidade”, disse. “Faço esse apelo a meus colegas e peço o envolvimento de toda a comunidade, pelo bem de nossos estudantes”, disse.