Tag

tráfico

Browsing

gularte_130215

da Agência Brasil:

O Ministério das Relações Exteriores informou hoje (19) que um representante da Embaixada do Brasil em Jacarta entregará em mãos, nesta sexta-feira (20), uma carta ao diretor da Penitenciária Pssar Putih, onde Rodrigo Gularte está preso, solicitando a transferência do brasileiro para um hospital psiquiátrico na cidade de Yogyakarta. Gularte, de 42 anos, está preso desde 2004 após entrar na Indonésia com 6 quilos de cocaína escondidos em pranchas de surfe e foi condenado à morte no ano seguinte.

rodrigo - g.

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, rejeitou nesta terça-feira o pedido de clemência feito pelo governo brasileiro em nome do iguaçuense Rodrigo Muxfeldt Gularte, de 42 anos, condenado à morte por tráfico de drogas. Em nota, o Itamaraty confirmou a recusa e afirmou que “irá esgotar todas as possibilidades de comutação da pena do nacional Rodrigo Gularte permitidas pelo ordenamento jurídico da Indonésia”. As informações são da Veja.

advogado. indon.

O presidente da Indonésia não atendeu a apelos da presidente Dilma Rousseff para poupar a vida de dois brasileiros presos no país asiático e condenados à morte por tráfico de drogas, segundo informou nesta sexta-feira (16) o assessor especial para assuntos internacionais do Brasil, Marco Aurélio Garcia. Informações do G1.

Os dois brasileiros são Marco Archer e Rodrigo Gularte. Segundo Garcia, Dilma conversou por telefone nesta sexta com o presidente indonésio, Joko Widodo. De acordo com o assessor, o fuzilamento de Archer deve ocorrer neste domingo (18).

“Não houve sensibilidade por parte do governo da Indonésia para o pedido de clemência do governo brasileiro. Em princípio, a execução deve se dar à meia-noite de domingo, hora de Jacarta, às 15h no horário de Brasília”, informou Garcia.

gaeco1-600x338

de Denise Mello e Antonio Nascimento, Banda B:

Uma megaoperação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) prendeu oito guardas municipais e três policiais militares acusados de tráfico de drogas e corrupção. A operação, batizada de “Kimera”, reúne 250 homens das Polícias Civil, Militar, além do Gaeco, e acontece desde as primeiras horas desta quinta-feira (18) em Curitiba e região metropolitana (RMC).Cerca de 70 viaturas e cem policiais fazem o cumprimento de 56 mandados de busca e apreensão e 27 de prisão. Até ás 11 horas, 17 pessoas haviam sido presas, entre elas, os guardas e os policiais militares.

noticia_595282_img1_adriano

Do UOL:

O atacante Adriano, que tenta retomar a carreira no futebol francês, foi denunciado pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro nesta terça-feira. A acusação é grave: tráfico de drogas e associação ao tráfico de drogas. O primeiro crime prevê pena de até 15 anos de reclusão, e o segundo, dez. Além disso, também pode responder por falsificação de documento.

curitiba_operacao_trafico_drogas_waldo_x_picanha_03

Da Gazeta do Povo:

O dono e o gerente da lanchonete Waldo X-Picanha Prime, na Alameda Cabral, foram presos durante uma operação da Polícia Civil contra o tráfico de drogas na noite desta quarta-feira (24), em Curitiba. A Justiça autorizou também a prisão de outras duas pessoas suspeitas de envolvimento no esquema, que já vinha sendo investigado há sete meses.

De acordo com a Polícia Civil, o dono do estabelecimento, Alexsandro Cardoso, de 36 anos, comandava um sistema de entrega de cocaína a domicílio junto com os sanduíches, além de negociar a droga dentro da própria lanchonete. O esquema, que era comandado também pelo gerente do local, César Batista Kokurudza, 51 anos, servia apenas a clientes considerados “vips” (importantes). Os nomes dos envolvidos não foram citados antes pela Gazeta do Povo porque a polícia ainda não os havia confirmado.