Tag

veritá

Browsing

aécio e dilma veritá

Do R7:

O senador Aécio Neves (PSDB) seria eleito presidente da República com 53,2% dos votos válidos, caso a eleição fosse hoje. É o que diz pesquisa do instituto Veritá, encomendada pelo jornal Hoje em Dia. A presidente Dilma Rousseff (PT) não seria reeleita pois conta com 46,8% da preferência do eleitor. Se forem considerados os votos totais, o senador Aécio Neves teria 47% das intenções de voto. Dilma aparece com 41,4%. Os indecisos somam 7,8% e outros 3,7% votariam em branco ou nulo.

Rejeição

De acordo com o Veritá, a rejeição da presidente Dilma é maior que a do senador. O índice de rejeição dela é de 46,1% dos eleitores. Já 39,1% dos entrevistados afirmaram que não votariam de jeito nenhum em Aécio Neves.

A pesquisa foi realizada entre os dias 17 de outubro e ontem e a margem de erro é de 1,4 pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento descarta o empate técnico, já que no pior cenário de Aécio e no melhor de Dilma, o tucano continua à frente. A amostragem da pesquisa é 7.700 eleitores em 213 cidades de todos os Estados brasileiros. Ela foi registrada com o número 01144/2014 no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O nível de confiança é de 95%.

pesquisa veritá - aécio e dilma - 0910

Do Brasil 247: Os números do instituto Paraná Pesquisas foram confirmados hoje por novo levantamento, Uma nova pesquisa sobre o segundo turno da sucessão presidencial atribui ao senador Aécio Neves (PSDB-MG) uma vantagem de quase dez pontos sobre a presidente Dilma Rousseff, do PT. Se as eleições fossem hoje, ele teria 54,8% dos votos válidos contra 45,2% de Dilma.

A pesquisa foi registrada pelo Instituto Veritá, entre os diias 6 e 8 de outubro, com 5.165 eleitores de todo o País e registrada junto ao TSE sob o número BR-01067/2014.

Na contagem de votos nominais, Aécio teria 42%, contra 36,1% de Dilma, enquanto 17,4 ainda estão indecisos e 4,5% votariam branco ou nulo.

pesquisa veritta corr

Pesquisa do Instituto Veritá, liberada e divulgada nesta segunda-feira (18), mostra a vitória de Beto Richa (PSDB) no primeiro turno, com 50,4% dos votos válidos, nas eleições do Paraná. Roberto Requião (PMDB) vem em segundo, com 33,7%. Gleisi Hoffmann, do PT, tem 14,4%. A pesquisa revela que as intenções de voto no governador tucano são de 40,2%, mas como o que vale para o resultado eleitoral são os votos válidos, Beto Richa fica com 50,4%, o que lhe garante a vitória no primeiro turno.

Requião tem 26,9% das intenções de voto, seguido de Gleisi, com 11,5%. Nenhum dos outros candidatos chegou a 1% das intenções de voto, juntos, eles somam 1,2%. Bernardo Pilotto (PSol) tem 0,7% e os candidatos Túlio Bandeira (PTC), Ogier Buchi (PRP), Rodrigo Tomazzini (PSTU) e Geonísio Marinho (PRTB) tem menos de 1% dos votos válidos. Brancos e nulos somam 10,2% e 10% não responderam. Como a margem de erro é de 2,05%, existiria a possibilidade de segundo turno, mas Beto Richa também levaria vantagem. Faria 58,1% dos votos válidos, contra 41,9% de Requião.

Num segundo turno contra Gleisi Hoffmann, Beto Richa faria 70,2% dos votos válidos, contra 29,8% da petista. Num eventual segundo turno entre Requião e Gleisi, o peemedebista faria 63,9%, contra 36,1% da petista. A pesquisa também avaliou a aprovação dos governos Beto Richa e Dilma Rousseff. Beto foi aprovado por 68,9% dos entrevistados, com 31,1% de desaprovação. O governo Dilma teve desaprovação de 50,9%, contra 49,1% de aprovação.

A pesquisa foi registrada no TRE sob o número PR-00007/2014. O Instituto Veritá entrevistou 2.302 eleitores entre os dias 5 e 9 de agosto em 45 cidades, ao custo de R$ 93 mil (recursos próprios). A margem de erro é de 2,05% para mais ou para menos.