Tag

virgínia

Browsing

A seguir, nota publicada, via facebook, pelo advogado Elias Mattar Assad sobre o caso da médica Virgínia Soares de Souza, do Evangélico.

“NOTA – Caso Médica UTI/Hospital Universitário Evangélico de Curitiba:

A respeito da perícia judicial criminal, nos prontuários dos pacientes que entraram em óbito na UTI do Hospital Evangélico, o Ministério Público do Paraná, há dois meses, afirmou para a imprensa que a perícia tinha “comprovado a denúncia de antecipações de óbitos”.

Hoje, contraditoriamente, a acusação declarou para a imprensa que “não concorda com a perícia”. O curioso, é que em nenhuma dessas duas impressões leigas, o Ministério Público da Saúde mostrou em que ponto a perícia oficial indicou QUANDO, ONDE, QUEM MATOU QUEM E DE QUE FORMA…

virginia evangélico

Da Gazeta do Povo:

A médica Virgínia Soares de Souza e outros sete ex-funcionários do Hospital Evangélico não devem ser ouvidos pela Justiça neste ano. O motivo é que o estado do Paraná não quis pagar R$ 220 mil de uma perícia solicitada pela 2ª Vara do Júri de Curitiba, responsável pelo caso. Desse valor, R$ 200 mil seriam para um especialista em medicina intensiva e os R$ 20 mil restantes para um anestesiologista. Nesta circunstância, quem deve arcar com as custas é o tesouro estadual. A necessidade da perícia foi aceita por todas as partes no processo.

Virgínia e os ex-funcionários do hospital são acusados de envolvimento em uma série de mortes de pacientes na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Evangélico ocorridas entre 2006 e janeiro do ano passado. Com esse entrave, o final do caso fica mais longe. É provável a definição se os réus irão a júri popular ou não ocorra só em 2015.